BRT Rio teve cinco estações vandalizadas no fim de semana

Publicado em: 30 de agosto de 2020

Cabos roubados na Estação Riomar. Foto: Divulgação / BRT Rio.

Estação Riomar precisou ser fechada

JESSICA MARQUES

O BRT Rio informou, em nota, que teve cinco estações vandalizadas neste fim de semana. Mais uma vez, os passageiros foram prejudicados.

Isso porque a estação Riomar, situada no corredor Transoeste, teve que ser fechada na manhã deste domingo, 30 de agosto de 2020. O fechamento foi necessário devido a atos de vandalismo e furto de equipamentos essenciais para o seu funcionamento. Segundo o BRT Rio, criminosos depredaram a bilheteria e roubaram cabos elétricos.

Além disso, as estações Morro do Outeiro e Ilha Pura, ambas localizadas no corredor Transolímpica, também foram alvo de criminosos no fim de semana. Na noite de sábado, a equipe do Proeis (Programa Estadual de Integração de Segurança) flagrou dois homens furtando o guarda-corpo da estação Morro do Outeiro. Pela manhã, os agentes ainda prenderam três criminosos que roubavam cabos na estação Ilha Pura. Os agentes foram alertados pela equipe de monitoramento do Centro de Controle Operacional do BRT Rio.

Relembre: Três criminosos são presos furtando cabos na estação Ilha Pura do BRT Rio

Por sua vez, as estações Gláucio Gil (corredor Transoeste) e Taquara (corredor Transcarioca) também tiveram cabos furtados e ficaram temporariamente sem energia neste fim de semana.

O fim de semana anterior, dos dias 22 e 23 de agosto, também teve registro de casos de vandalismo e furtos.

Relembre: Mais uma estação do BRT Rio é vandalizada neste fim de semana

“Desde abril, cerca de 100 estações foram alvo de vândalos e bandidos e, atualmente, o BRT Rio tem um total de 35 estações fechadas por causa de vandalismo e/ou furtos de equipamentos. As que foram fechadas em razão da pandemia não apresentam condições para reabertura porque foram depredadas”, informou o BRT Rio, em nota.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta