CPTM vai conceder uso comercial de espaços em 28 estações

Trem da CPTM na estação Engenheiro Goulart da Linha 13-Jade

No total são 37 espaços em estações das sete linhas da companhia

WILLIAN MOREIRA

A CPTM iniciou quatro processos de concessão de espaços públicos em estações nas sete linhas da companhia para a exploração comercial destes locais, podendo ser instalados quiosques de alimentos, farmácias e venda de nuts (castanhas, nozes, amêndoas e derivados), sendo selecionados os vencedores por meio de pregão com  a maior oferta sendo a escolhida.

As propostas deverão atender às especificações previstas nos editais que estão disponíveis no site da CPTM (www.cptm.sp.gov.br) e os interessados em participar dos certames, devem se credenciar no e-CAUFESP , classe 929 – Serviços Terceirizados – Concessão de Espaço Metroferroviário para pontos comerciais ou promocionais.

As estações previstas nos pregões são as seguintes.

Linha 7-Rubi

– Luz;

– Lapa;

– Jaraguá;

– Vila Aurora;

– Franco da Rocha;

– Francisco Morato;

– Campo Limpo Paulista;

Linha 8-Diamante

– Jandira.

Linha 9-Esmeralda

– Osasco

Linha 10-Turquesa

– São Caetano do Sul;

– Santo André;

– Mauá;

– Tamanduateí.

Linha 11-Coral

– Brás;

– Dom Bosco;

– José Bonifácio;

– Poá;

– Mogi das Cruzes;

– Ferraz de Vasconcelos;

– Antonio Gianetti Neto;

– Guaianases.

Linha 12-Safira

– Jardim Romano;

– Comendador Ermelino;

– Jardim Helena-Vila Mara;

– Itaim Paulista;

 Linha 13-Jade

– Aeroporto-Guarulhos;

– Guarulhos-CECAP;

– Engenheiro Goulart.

Divididos em quatro processos diferentes, os prazos de uso destes espaços concedidos variam entre 12 a 60 meses.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta