Restrição ao transporte intermunicipal atinge 83% da Bahia com mais liberações

Publicado em: 11 de agosto de 2020

WILLIAN MOREIRA

O Governo da Bahia publicou na terça-feira, 11 de agosto de 2020, uma atualização no Decreto Estadual nº 19.586 de 27 de março, que traz medidas voltadas ao transporte para combater o novo coronavírus.

O governo promoveu uma flexibilização depois de determinar que todas as cidades em  um raio de 100 quilômetros da capital Salvador, possam ter a circulação livre destes veículos, já que a região tem registrado uma baixa na taxa de ocupação de leitos de UTi. Veja os municípios beneficiados:  Alagoinhas, Amélia Rodrigues, Antônio Cardoso, Araçás, Aramari, Aratuípe, Cachoeira, Cairu, Camaçari, Candeias, Catu, Conceição da Feira, Conceição do Almeida, Conceição do Jacuípe, Coração de Maria, Cruz das Almas, Dias d’Ávila, Dom Macedo Costa, Feira de Santana, Governador Mangabeira, Ipecaetá, Irará, Itanagra, Itaparica, Jaguaripe, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Maragogipe, Mata de São João, Muniz Ferreira, Muritiba, Nazaré, Pedrão, Pojuca, Salinas da Margarida, Salvador, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Santo Estêvão, São Felipe, São Félix, São Francisco do Conde, São Gonçalo dos Campos, São Sebastião do Passé, Saubara, Simões Filho, Teodoro Sampaio e Vera Cruz.

As cidades de Matina, Palmeiras e Ribeirão do Largo, mesmo fora deste raio de cobertura, tiveram a permissão concedida para o transporte, por não apresentar novos casos da Covid-19 nos ultimos 14 dias.

Caminho oposto de Brejolândia, Iramaia, Itaetê, Mulungu do Morro, Nova Itarana e Pindaí, que até o dia 14 de agosto devem proibir a entrada e saída de ônibus e demais veículos que realizem o transporte intermunicipal, depois de acusar novos casos do vírus.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

Deixe uma resposta