Unida Mansur esclarece que não pediu supressão de linha entre Itabira (MG) e Rio de Janeiro

Publicado em: 27 de julho de 2020

Foto: Rafael da Silva Xarão

Diretor da empresa afirma que pedido de supressão de seção foi interpretado erroneamente pela ANTT, e erro deverá ser revertido

ALEXANDRE PELEGI

Edson Mansur, Diretor da Empresa Unida Mansur e Filhos Ltda, encaminhou nota de esclarecimento ao Diário do Transporte em relação à matéria “ANTT autoriza empresa Unida Mansur a suprimir linha entre MG e RJ“, publicada no dia 24 de julho de 2020.

Como mostrou a matéria, a Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário de Passageiros da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT, segundo a Portaria nº 444 publicada no Diário Oficial da União, atendeu a pedido da Unida Mansur, de Juiz de Fora, de supressão de linha:



Diante da repercussão da matéria, a Unida Mansur esclarece que opera duas linhas – com prefixos diferentes – entre Itabira (MG) e Rio de Janeiro (RJ).

Acontece que em uma delas foi feito um pedido junto a ANTT de supressão de seção, e o mesmo foi interpretado como supressão da linha. Tal engano deverá ser revertido junto à Agência”, afirma Edson Mansur na nota encaminhada ao Diário do Transporte.

Apesar da outra linha continuar sendo operada normalmente, com todos os seus mercados, a notícia causou grande repercussão no meio do transporte de passageiros. Em vista disso, solicitamos a esse portal a veiculação desse esclarecimento, solicitou a empresa.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta