Ambiental Transportes tem paralisação no início da manhã desta quinta (23)

Publicado em: 23 de julho de 2020

Empresa opera ônibus e trólebus

Às 6h, serviços começaram a ser regularizados

ADAMO BAZANI

Passageiros que dependem da Ambiental Transportes, integrante do Consórcio TransVida, da zona Leste da capital paulista, encontraram dificuldades no início das operações desta quinta-feira, 23 de julho de 2020.

Funcionários realizaram uma manifestação, de acordo com o Sindimotoristas, que representa a categoria, contra descontos salariais que consideram “abusivos”.

Ainda de acordo com a entidade, as operações começaram a ser retomadas por volta das 6h.

Em nota ao Diário do Transporte, a SPTrans, gerenciadora do sistema informou que ao 16 linhas foram afetadas e foi acionada a Operação PAESE.

A SPTrans informa que uma manifestação sindical atrasou a saída dos ônibus da garagem da empresa Ambiental entre 3h10 e 5h25 desta quinta-feira, 23 de julho. Foi afetada a operação de 16 linhas e 123 coletivos da garagem localizada na Rua Nestor Barros, 289, Tatuapé. A SPTrans acionou a Operação Paese – Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência para cinco linhas, entre 4h30 e 5h25.

No momento, a operação das linhas está normalizada e as equipes de monitoramento e fiscalização da SPTrans seguem acompanhando.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Sergio serrano disse:

    Por esses motivos que teria que voltar a ,Cmtc,havia greves mas nunca por descontos abusivos e sim por melhorias salaral agora essas merdas nas mãos de meia dúzia de gente da nisso e o povo votando errado

Deixe uma resposta