Parques de Santo André reabrem nesta sexta-feira, 17, com demarcações para evitar aglomeração de pessoas

Publicado em: 16 de julho de 2020

Círculos vão determinar o espaço de cada visitante nos locais. Fotos: Alex Cavanha / PSA.

Locais funcionarão todos os dias da semana, com protocolos de segurança e ações de prevenção à Covid-19

JESSICA MARQUES

A Prefeitura de Santo André, no ABC Paulista, informou que os dez parques municipais serão reabertos nesta sexta-feira , 17 de julho de 2020. A reabertura ocorre após quase quatro meses fechados como medida para conter a disseminação do novo coronavírus.

Os parques estão com as atividades suspensas desde 21 de março e abrirão os portões com diversos protocolos de segurança. Entre eles, estão diversas demarcações no chão, colocadas para evitar aglomeração de pessoas. Assim, círculos determinam o espaço de cada visitante nos locais.

Para frequentar os parques será obrigatório utilizar máscaras, respeitar distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as pessoas, seguir as demarcações colocadas nos gramados e usar copos e garrafas próprias para utilizar os bebedouros. Não será permitida a realização de eventos.

Além disso, como parte dos preparativos para a reabertura, os maiores parques da cidade (Central, Celso Daniel, Ipiranguinha, Parque Regional da Criança e Chácara Pignatari) receberam equipes de desinfecção nesta semana.

De acordo com a Prefeitura, cada parque estará com apenas um acesso aberto e haverá totens com álcool em gel na entrada. Além disso, serão realizadas ações de prevenção móvel contra o coronavírus, por meio de equipes que vão distribuir máscaras, disponibilizar álcool em gel e aferir a temperatura dos frequentadores.

ÁREAS ABERTAS

WhatsApp Image 2020-07-16 at 19.38.31 (1)

Com a reabertura, está liberada a utilização de áreas abertas ou amplamente arejadas, como pistas de caminhada, academias, quadras de tênis, pistas de skate, entre outros espaços para a prática de atividades individuais, desde que observado o distanciamento mínimo obrigatório.

Os espaços Pet Parque, para as atividades com cães, poderão funcionar desde que observada a capacidade do local, para evitar aglomerações. Contudo, os playgrounds seguem fechados, como medida de segurança para prevenir a disseminação da Covid-19.

“Para evitar a concentração de muitas pessoas, criando um ambiente favorável à disseminação do vírus, ficam proibidas, nesta primeira fase de reabertura, a prática de qualquer atividade coletiva esportiva ou recreativa e o uso das áreas coletivas, como quadras poliesportivas, churrasqueiras, parquinhos, brinquedotecas, entre outros”, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli.

A segunda fase de reabertura, com a ampliação da utilização dos outros espaços dos parques públicos, terá início mediante nova avaliação dos critérios e condições epidemiológicas da cidade, segundo a Prefeitura.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

A partir desta sexta-feira, os parques de Santo André abrirão às 6h e funcionarão todos os dias da semana, incluindo sábados e domingos. O horário de fechamento varia de acordo com cada local. Os parques Celso Daniel, no bairro Jardim, Central (Parque José Cicote), na Vila Assunção e Antonio Pezzolo (Chácara Pignatari), na Vila Metalúrgica, estarão abertos até as 19h.

Os demais parques funcionarão das 6h às 18h: Antonio Flaquer (Ipiranguinha), na Vila Alzira; Ana Brandão (Parque da Juventude), no Jardim Ipanema; Cidade dos Meninos, no Parque Novo Oratório; Parque Regional da Criança Palhaço Estremilique, no Parque Jaçatuba, além dos parques Ulisses Guimarães, na Vila Francisco Matarazzo; Norio Arimura, no bairro Capuava; Parque Escola, no bairro Valparaíso e o Parque do Pedroso, que é uma Unidade de Conservação.

As regras para reabertura dos parques de Santo André constam em decreto do prefeito Paulo Serra publicado nesta quinta-feira (16).

MANUTENÇÃO

Durante o período em que estiveram fechados, todos os parques de Santo André passaram por manutenção de rotina, com equipes trabalhando em esquema de revezamento para evitar aglomerações, com máscara, álcool em gel, respeitando o distanciamento e fora dos horários de pico.

Além disso, algumas ações de difícil realização devido à necessidade de interdição de espaços muito utilizados pelo público puderam ser concretizadas no período, como a pintura e revitalização dos playgrounds do Parque Celso Daniel, do Parque Antonio Pezzolo (Chácara Pignatari) e do Parque Regional da Criança Palhaço Estremilique, que também teve o campo de futebol e as pistas de corrida e caminhada revitalizados.

CAPITAL PAULISTA

Na capital paulista, em torno de 70 parques dos 107 existentes reabriram na última segunda-feira, 13 de julho de 2020. Neste caso, a Prefeitura definiu regras como horário de funcionamento diferenciado e lotação máxima.

Relembre: Bruno Covas reabre 70 parques municipais de São Paulo a partir desta segunda-feira, 13

Bruno Covas ainda disse que ainda não estão previstas a abertura da Avenida Paulista para atividades de recreação, com fechamento para o trânsito. Também não há previsão de abertura para pedestres do elevado João Goulart (minhocão) aos domingos.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Fabio disse:

    No parque ana brandao vai poder usar a pista de skate para atividades. Os parquinhos vê o poder ser utilizado pelas crianças .

  2. Fabio disse:

    Passei pelo parque ana brandao hoje é vi que estão colocando madeiritis na pista de skate . Estão fechando em volta da pista . Estará liberada para atividades . Tanto para skate ou patins .

  3. Daniel Correia disse:

    O curral já está demarcado. Agora é só esperar o gado chegar com o cabresto, digo…..as máscaras no focinho.

  4. Milton disse:

    Se a própria OMS orienta não usar máscara durante atividade física , como que um corredor poderá utilizar esses espaços……..????

  5. Flavio disse:

    As máscaras que salvam vidas. Por causa de pessoas como você, tudo isso está demorando para passar.

  6. Karina disse:

    COMENTÁRIO estúpido, de mal gosto e desnecessário. Mas faz jus a pessoa que escreve.

Deixe uma resposta