Diário no Sul

Santo Antônio da Patrulha (RS) aprova projeto de subsídio ao transporte público

Expresso Catanduva, uma das concessionárias do transporte local.

Apoio financeiro será mensal, num percentual de 60% do valor apresentado nas planilhas de custos operacionais de cada empresa permissionária e por um período de até 60 dias

ALEXANDRE PELEGI

A prefeitura de Santo Antônio da Patrulha, cidade com mais de 40 mil habitantes no interior do Rio Grande do Sul, conseguiu aprovação da Câmara Municipal para a concessão de subsídio para as 07 empresas de ônibus que atendem o transporte municipal.

Com a queda na demanda, em virtude da epidemia causada pelo novo Coronavírus (Covid-19), as concessionárias solicitaram apoio da prefeitura e dos vereadores para manter os ônibus atendendo a população local, especialmente no interior.

O projeto, de iniciativa do Poder Executivo (Prefeito Daiçon Maciel da Silva), foi aprovado pelos vereadores por unanimidade na 16ª Reunião Ordinária, realizada no dia 1º de junho de 2020.

O subsídio será mensal, num percentual de 60% do valor apresentado nas planilhas de custos operacionais de cada empresa permissionária, referente à realização de transporte em linhas mínimas, estabelecidas pelo Município.

O Diretor de Trânsito do município, Paulo da Costa, elaborou uma tabela mínima para garantir o serviço, que calculou o valor global de R$ 128 mil (R$ 127.847,54), que será pago por um período de até 60 dias.



OFÍCIO PROTOCOLADO PELAS EMPRESAS JUNTO À PREFEITURA:


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta