Contrato emergencial do transporte coletivo em Rondonópolis (MT) é assinado

Publicado em: 1 de julho de 2020

Permissão provisória de operação tem validade até 7 de julho

WILLIAN MOREIRA*

O transporte coletivo municipal na cidade de Rondonópolis, no estado do Mato Grosso segue funcionando normalmente. A operação ocorre após a assinatura de um novo contrato emergencial com a empresa Cidade de Pedra.

O documento tem validade de sete dias e é o terceiro em sequência. O novo acordo, desta vez, vai até 07 de julho de 2020.

Na data, o contrato deverá ser novamente prorrogado para manter os ônibus em circulação, para a gestão municipal criar uma autarquia responsável pelo serviço.

De acordo com informações do jornal A Tribuna de Mato Grosso, a intenção da Prefeitura é ficar responsável pelo transporte coletivo na cidade, por encontrar dificuldades em contratar uma empresa de maneira fixa.

Ao todo, cinco liminares sem qualquer interessado em assumir o transporte já foram concluídas, mesmo depois da Prefeitura contratar um empréstimo de R$ 10 milhões para a aquisição de novos veículos, mas sem mesmo ter planejado essa autarquia.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta