Leilão da Viação Itapemirim tem 12 ônibus arrematados e lances para imóveis já têm data marcada

Ônibus também foram procurados por colecionadores

Na primeira praça dos imóveis, lances mínimos somam R$ 27,3 milhões

ADAMO BAZANI

O leilão de ônibus da Viação Itapemirim, no âmbito da recuperação judicial da empresa, teve adquiridos 12 dos 20 veículos ofertados entre esta terça-feira (09) e quarta-feira (10).

A informação é da assessoria de comunicação da leiloeira oficial TM Leilões em nota ao Diário do Transporte.

Segundo a empresa de leilões, os 12 ônibus foram arrematados por dez pessoas diferentes.

Foram adquiridos os ônibus dos lotes 06, 07, 09, 10, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 20 e 21, de diversos modelos e anos de fabricação.

Os valores finais ainda não foram informados já que agora devem ocorrer os trâmites para os pagamentos.

Ao todo, houve 35 lances ofertados em diferentes lotes.

“Foram mais de 20 mil visualizações no site e 35 lances ofertados em diferentes lotes.  A procura por informações diariamente sobre esse leilão foi intensa, com interesses diversos, tais como estado dos veículos; onde estavam localizados; solicitação de fotos, entre outros. Tivemos 29 arrematadores habilitados no período e chegamos a marca de 14 pessoas online acompanhando os status de encerramento em cada lote.” – diz a nota da TM Leilões ao Diário do Transporte.

IMÓVEIS:

Nesta quarta-feira, 10, foram divulgadas ainda as datas dos leilões de ao menos sete imóveis.

Os lances poderão ser oferecidos nos períodos de 27 de julho a 09 de setembro, em duas oportunidades para cada imóvel.

Somados, os lances mínimos das “primeiras praças” chegam a R$ 27,3 milhões (R$ 27.339.774,44) e R$ 16,7 milhões (R$ 16.781.038,83) nas “segundas praças”.

A leiloeira é a mesma TM Leilões https://www.tmleiloes.com.br/

Os imóveis são:

– Prédio comercial na Rua Lúcio Mendonça, Caruaru-PE:

Lance mínimo: R$ 6.403.960,01 para a 1ª Praça  de 27/07 à 30/07/20 às 14h00 e R$ 3.041.881,00 para a 2ª Praça de 30/07 à 04/08/20 às 14h00

– Terreno acrescido de marinha, freguesia dos Afogados, Recife-PE:

Lance mínimo: R$ 1.036.568,80 para a 1ª Praça de 27/07 à 31/07/20 às 14h00 e R$ 518.284,40 de 31/07 à 05/08/20 às 14h00

– Dois pavimentos na Av. Luciano Carneiro, Fortaleza, CE

Lance mínimo: R$ 7.579.070,05 para a 1ª Praça  de 27/07 à 03/08/20 às 14h00 e R$ 3.789.535,02 para a 2ª Praça de 03/08 à 06/08/20 às 14h00

– Terreno para construção na Avenida Hermes Fontes, Aracaju, CE:

Lance mínimo: R$ 2.849.069,92 para a 1ª Praça de 03/08 à 07/08/20 às 14h00 e R$ 1.424.534,96 para a 2ª Praça de 07/08 à 18/08/20 às 14h00

– Terreno/Pátio/Garagem na Avenida Nilo Peçanha, Campos dos Goytacazes, RJ:

Lance mínimo: R$ 4.458.305,66 para a 1ª Praça de 06/08 à 10/08/20 às 14h00 e R$ 2.229.152,83 para a 2ª Praça de 10/08 à 19/08/20 às 14h00

– Terreno com área de 1.248 m², em Alto Laje, distrito de Itaquarí, Cariacica,ES:

Lance Mínimo: R$ 1.372.800,00 para a 1ª Praça  de 27/07 à 11/08/20 às 14h00 e R$ 686.400,00 para a 11/08 à 13/08/20 às 14h00

– Terreno com área de 48.210m², em Juiz de Fora, MG:

Lance Mínimo: R$ 3.640.000,00 para a 1ª Praça de 01/09 à 03/09/20 às 14h00 e R$ 1.820.000,00 para a 2ª Praça de 03/09 à 09/09/20 às 14h00

Como mostrou o Diário do Transporte, na decisão judicial que permitiu que a empresa use 80% dos valores arrecadados até agora em leilões de forma emergencial para as operações diante da crise da Covid-19, o desembargador Azuma Nishi, da 1ª Câmara Reservada de Direito Empresarial, do Tribunal de Justiça de São Paulo, negou agravo de instrumento movido por Andrea Correa Cola (da família fundadora da empresa) que tentava reverter o uso dos 80% para custeio e impedir novos leilões.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2020/05/13/tj-nega-recurso-de-andrea-cola-e-mantem-uso-de-dinheiro-de-dividas-para-operacoes-da-itapemirim-kaissara/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa noite.

    Realmente a falta da informação de onde estavam os veículos foi uma falha, muito graaaaaaaaaaaaaaaande que pode ter prejudicado o rendimento do leilão.

    Eu pelo menos não achei e não tive paciência de ligar ou mandar um e-mail para sa ber aonde estavam

    Aliás, leilões são sempre sempre muito mal divulgados em termos de informações objetivivas do que interessa aos possíveis interessados.

    E uma licitação inversa, juridicamente complexa e péssima comercialmente.

    Claro que para quem sempre participa isto não é problema; mas para pessoa como eu é.

    SAÚDE A TODOS!

    Att,

    Paulo Gil
    “Buzão e Emoção é a Paixão”

  2. Ricardo Gomes Barbosa disse:

    Salvo engano o famoso – e macabro – 5813 era o lote 11. Então ele não foi vendido.

  3. Essa Andrea Correa Cola não tem coração…Deus fará justiça…

  4. Marcelo nunes disse:

    E o Piva tem coração???
    Covarde
    Isso não passa de um grande golpe em todos

  5. Américo Moreira Lima disse:

    Conhecia a itapemirim quando ainda era azul viagem para primeira vez em fevereiro de 1965 de Cachoeiro para o Rio de Janeiro voltei a utilizar a empresa em 1970 em fevereiro fui e voltei a Cachoeiro dessa viagem tenho uma foto tirada durante a volta dai em diante sempre usei a itapemirim para ir a Cachoeiro ou para Marataízes viajava uma vez por ano apesar de existem outras empresa fazendo essa loja nunca fechei de prestigiar a itapemirim este ano an o dia dois de janeiro tive que voltar a Cachoeiro quando cheguei a rodoviária do Rio me dirigir a guache da mesma na hora de embarcar qual foi o meu espanto viagem num carro de uma empresa de Belo Horizonte voltei no mesmo carro apesar de uma boa viagem dois grandes motorista mas o carro não era itapemirim troco para a recuperação da empresa porque nas vou me conforma em viaja para Cachoeiro por outra empresa vamos recuperam os amarelinho eles marcaram época nas estradas do brasil.

  6. Antonio disse:

    Lamentavel está situação que se encontra a Viação Itapemirim.Daqui a pouco se vai tudo pelo ralo e imagine como deve estar a cabeça do fundador que a fez grande (Camilo Cola )

  7. Camilo Silva disse:

    Boa está empresa foi um grande passo na minha vida profissional, mais foi uma empresa muito injusta com motoristas, não sei se era gestão com uma mentalidade se foco ou foi a família cola, a resposta está no ar, e vamos ser juntos deus está pondo a mão encima, que nem os novos donos não consegue sair da Pindaíba…

  8. Saulo disse:

    Olha então o famoso ônibus mal assombrado está ainda na Itapemirim .. o famoso 5813 onde eu Saulo José busologo teve a chance de realmente sentir na pele arrepios durante a viajem de um veículo que tinha a lenda urbana de ser assobrando devido ter sofrido um acidente e várias pessoas morreram dentro dele.

  9. Armando disse:

    Graças a Deus tenho certeza que irei receber tudo que e meu de direito como trabalhador são aproximadamente 3 anos e meio, prestando um serviço para no final a empresa fazer isso xom um pai de família, FGTS numca depositavam nada zerado, homologação não tive, tenho um Deus vivo, no tempo de Deus tudo chegará a mim🙌🏻🙌🏻🙌🏻

  10. Carlos Alexandre Boone disse:

    E triste ver isso acontece !!! Mais Deus sabe de todas as coisas pois ela foi uma empresa de nome .Deu muito emprego para os capixabas , infelizmente por mal gestão não sei não posso julgar mais fico triste em ver um patrimônio Ci acaba, cara de verdade hoje passo enfrente a empresa aqui em Vitória e ainda vejo a empresa ali um motivo de orgulho pra nós capixabas . Me desculpa pessoas que não receberam suas recisão corretamente , más a empresa alimentou muitas famílias capixabas . Então é com pesar ver a empresa disfacer de patrimônio que deu muita alegria au povo capixaba . parabéns família color por alimentar por muito tempo os capixaba .

  11. narlon braga disse:

    Os ônibus da empresa estão alocados em Cachoeiro do Itapemirim,desde muito tempo. As fotos tiradas referem-se ao platô da empresa. Acredito que não aconteceu em 2018, quando foram levados para o Rio , num pátio, próximo a AV.Brasil. quem arrematou,deve retirar em Cachoeiro.

  12. Edson disse:

    Pena que as empresas brasileiras estão morrendo ano ano.

  13. Judinel Feu Dias disse:

    Infelizmente a justiça é cega par a verdade e está vendida a essa gestão fraudulenta que roubou a Itapemirim do verdadeiro dono e a está dilacerando dia apos dia ate nao restar mais nada para salvar.

  14. Maria Aparecida Duarte Pessôa disse:

    Que pena, fui funcionária desta empresa e ela sempre honrou os seus compromissos. Meu Deus a que ponto chegou. Na época eu era feliz trabalhando na mesma, não tenho que reclamar, sempre fui apaixonar por esta cor (amarelinho).

  15. DIEGO disse:

    Vamos ver se agora deixam de ser caloteiros e pagam o que devem aos funcionários.

  16. Athos disse:

    Até agora só promessas
    Que dizer nem promessas mais
    Cambada de 171
    Vagabundos

  17. Jorge disse:

    Tantos pais de família passando tanta dificuldades , mais agravadas por essa pandemia e os gestores da Itapemirim não falam nada de quando vão acertar com esses funcionários que sairam em março, deviam ter um pouco mais de amor ao próximo e começar acertar com os pais de família que vcs devem

  18. Tony Druzian disse:

    Isso é Brasil a empresa consegue patrimônio pra mas pra frente perder tudo com ações trabalhistas e dor de cabeça doido é quem montar uma empresa nesse Brasil .

Deixe uma resposta