Metra realiza desinfecção de ônibus e trólebus nos terminais Jabaquara e Diadema

Trólebus sendo higienizado em terminal

Veículos recebem pulverização com um produto especial nas áreas de contato dos passageiros

ADAMO BAZANI

A empresa Metra, concessionária do Corredor Metropolitano ABD, informou que intensificou as ações de desinfecção nos ônibus e trólebus do sistema que liga as zonas Leste e Sul da cidade de São Paulo passando por municípios do ABC Paulista.

De acordo com imagens veiculadas pela companhia e pela EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos, gerenciadora dos ônibus metropolitanos, nos terminais Diadema e Jabaquara, os ônibus e trólebus são submetidos, na parte interna, a uma pulverização com produtos químicos antialérgicos que, segundo as empresas, podem eliminar o novo coronavírus, causador da Covid-19 que, até o início da manhã desta terça-feira, 02 de junho de 2020, matou no Brasil 29.937 pessoas e infectou 526.447. O número de recuperados é menos da metade dos casos confirmados: 211.080. Os dados são da mais recente atualização do Ministério da Saúde.

A pulverização é feita antes das viagens e o produto é aplicado principalmente nas áreas de contato dos passageiros, como pega-mão, balaústres, portas e catracas.

O ar-condicionado dos veículos, segundo ainda empresa, também tem recebido limpeza mais periódica.

O corredor ABD tem 45 km de extensão. O trecho principal liga São Mateus (zona Leste da capital paulista) ao Jabaquara (zona Sul) passando por Santo André, Mauá (Terminal Sonia Maria), São Bernardo do Campo e Diadema, com 33 km, e há um prolongamento de 12 km entre Diadema e a região do Brooklin, na zona Sul da capital. A demanda diária é de quase 300 mil passageiros em dias habituais, antes da pandemia.

Veja o vídeo:

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Assine

Receba notícias do site por e-mail

Comentários

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Buzão da metra sempre foi limpo e sempre deu gosto de utilzar.

    Pena que apesar dos meus comentários a fiscalizadora nunca de rendeu a ia aprender a limpar buzão com a Metra.

    Agora com desinfecção mais show ainda.

    O que não ficou legal foi a propaganda do governo no fim do vídeo, afinal EMTOSA não é exemplo de limpeza em buzão muito menos o Estado.

    SÁUDE A TODOS!

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta