Ônibus de Minas Gerais só poderão iniciar ou prosseguir viagem com todos de máscara

Publicado em: 7 de maio de 2020

Desde 14 de abril, a utilização de máscaras já era obrigatória para os funcionários das empresas que operam o transporte coletivo. Foto: Divulgação.

Uso era apenas recomendado, mas obrigatoriedade entra em vigor a partir de domingo

JESSICA MARQUES

Os ônibus intermunicipais e metropolitanos de Minas Gerais só poderão iniciar ou prosseguir viagem com todos os passageiros de máscara. A regra entrará em vigor a partir de domingo, 10 de maio de 2020, e também valerá para motoristas e cobradores.

Anteriormente, o uso da máscara era apenas uma recomendação do governo para evitar a proliferação do novo coronavírus. Agora, a Deliberação do Comitê Extraordinário Covid-19 nº 40 foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira, 07, exigindo o uso a partir de domingo.

De acordo com a deliberação, as concessionárias e empresas responsáveis pela prestação dos serviços de transportes coletivos em Minas Gerais devem realizar o controle de embarque e permanência dos passageiros, “de modo a impedi-los de iniciar ou prosseguir a viagem sem a utilização correta de máscara de proteção”.

Ainda segundo informações do Governo do Estado, a nova regra também será fiscalizada pelas autoridades sanitárias e órgãos de Segurança Pública.

Desde 14 de abril, a utilização de máscaras já era obrigatória para os funcionários das empresas que operam o transporte coletivo de passageiros, como motoristas e agentes de terminais e estações de transferência.

USO ADEQUADO

De acordo com recomendações da Secretaria de Estado da Saúde (SES-MG), a máscara “deve ser posicionada no rosto de modo a cobrir toda a região do queixo, boca e nariz, devendo estar bem ajustada, sem espaços frouxos entre ela e a face.”

Também “deve-se evitar tocar ou ajustar a máscara enquanto estiver usando ou quando retirá-la. Se for tocada, deve-se higienizar suas mãos com água e sabão ou álcool gel 70%.”

“Vale ressaltar que a utilização das máscaras é parte das medidas preventivas. Desta forma, a população deve continuar seguindo com as lavagens frequentes das mãos e das superfícies, o isolamento social e a redução de fluxos, contatos e aglomeração de pessoas, para a prevenção ao contágio pelo coronavírus”, informou também o Governo do Estado de Minas Gerais.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta