Máscaras de proteção no transporte público na Espanha passam a ser obrigatórias

Publicado em: 2 de maio de 2020

O Governo vai distribuir seis milhões de máscaras em todo o país

WILLIAN MOREIRA

A partir da próxima segunda-feira, 04 de abril de 2020, em todo o transporte público na Espanha, o uso de máscaras será um item obrigatório.

O anuncio foi realizado pelo Presidente Pedro Sánchez neste sábado, 02, como medida de evitar a propagação da Covid-19 no transporte em meio ao momento em que é iniciada a retomada das atividades, com a permissão de as pessoas saírem de casa em certos horários e tempo restrito de permanência na rua, assim como a abertura de bares e restaurantes desde que com resguardo de medidas sanitárias.

Serão distribuídas em estações de trem, metrô e terminais de ônibus em várias partes da Espanha, seis milhões de máscaras para os passageiros e outras sete milhões que serão encaminhadas aos municípios para ser entregues aos moradores locais. A Cruz Vermelha recebe também  1,5 milhão de unidades.

Desde 14 de março o país implantou medidas rigorosas de restrições sociais e de circulação de pessoas, com atividades comerciais mais restritas, mas na próxima quarta- feira, o governo pretende levar ao congresso um pedido de prorrogação do estado de emergência, e assim possibilitar que novas medidas sejam tomadas.

A Espanha já registra mais de 25 mil mortos em razão do novo coronavírus e passa neste final de semana a iniciar uma diminuição gradual das restrições imposta a população.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta