Metrô inicia nesta sexta-feira operação com restrições e mensagem indevida, mas em seguida normaliza depois de uma noite problemática

Publicado em: 13 de dezembro de 2019

Acessos ficaram fechados para evitar tumultos. Foto: Diário nos Trilhos

Volta para a casa foi difícil nesta quinta-feira

ADAMO BAZANI

As operações do Metrô de São Paulo iniciaram às 4h40 esta sexta-feira, 13 de dezembro de 2019, ainda com restrições segundo os aplicativos oficiais da companhia, mas logo depois a situação se normalizou.

Segundo o informe da companhia, logo no começo, os trens da Linha 2 Verde “estavam circulando com velocidade reduzida devido a restrições operacionais da Linha 1 – Azul”

Às 4h46, as redes oficiais do Metrô informavam que o sistema estava em normalização

Logo depois, às 4h48, o sistema informava que a situação havia se normalizado.

Na noite desta quinta-feira, um defeito na via nas proximidades da Estação Tiradentes da linha 1-Azul deixou problemática a situação dos passageiros desde às 19h00 até o final das operações.

Foram afetadas também as linhas 2-Verde e 3-Vermelha.

Passageiros se aglomeravam na frente das estações que tiveram o acesso controlado.

Os trens não conseguiram percorrer toda a linha e o usuário era obrigado a descer na estação da Luz para trocar de composição.

O Metrô teve de pedir apoio dos ônibus da Operação PAESE, mas os coletivos demoraram a chegar por causa do trânsito e do dimensionamento da frota para o horário de pico das linhas habituais.

Mais tarde, o Metrô disse que a mensagem de restrição operacional era “indevida”, mas foi divulgada em seus canais oficiais.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta