Com mais catracas na Estação Guaianazes, linha 11 Coral passa a registrar número maior de embarques por hora no pico da manhã, diz CPTM

Publicado em: 5 de dezembro de 2019

CPTM diz que passageiros relatam ganhos de até 20 minutos no tempo de embarque

Total passou de 13,6 mil pessoas/hora para 17,4 mil pessoas/hora

ADAMO BAZANI

A CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos informou na tarde desta quinta-feira, 05 de dezembro de 2019, que as filas no embarque na Estação Guaianases, da Linha 11-Coral, entre 6h e 8h, foram reduzidas após a implantação de mais três catracas, além de “uma campanha de conscientização junto aos passageiros, para que tenham o bilhete em mãos ao chegar ao validador”.

Ainda de acordo com nota da estatal, o total de embarques na manhã na estação passou de 13,6 mil pessoas por hora para 17,4 mil pessoas por hora. Por dia, embarcam em média de 78 mil pessoas na Estação Guaianases.

Com as novas catracas, foi para 16 o número de equipamentos de bloqueio.

A redução das filas também proporcionou a abertura do acesso central da Rua Salvador Gianetti ao corredor subterrâneo no horário da manhã.

A CPTM informou que passageiros relataram ganhos de 15 a 20 minutos no tempo de embarque por não terem mais de enfrentar longas filas.

O presidente da CPTM, Pedro Moro, disse que a medida é de baixo custo e foi uma estratégia elaborada pela equipe de operação da linha.

“A economia de tempo para todos os passageiros é resultado de uma iniciativa da equipe da Operação, que reorganizou os acessos e fez um trabalho de conscientização junto ao passageiro dando mais agilidade ao fluxo nos corredores. Além de dar andamento às obras de modernização e expansão da Companhia, trabalhamos para aperfeiçoar a estrutura existente, trazendo novas soluções para prestar um serviço cada vez melhor aos cidadãos”, afirmou na nota.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Deixe uma resposta