Comissão da Câmara aprova empréstimos para a prefeitura de SP no valor de R$ 1,2 bilhão

Publicado em: 4 de dezembro de 2019

Primeiro trecho do Corredor Berrini / Chucri Zaidan foi entregue em 2015. Foto: Prefeitura de SP

R$ 200 milhões estão destinados ao corredor de ônibus da Av. Chucri Zaidan. PL do Executivo precisa agora ter os votos da maioria absoluta dos vereadores

ALEXANDRE PELEGI

Um PL (projeto de lei) do Executivo, enviado à Câmara Municipal no dia 29 de outubro de 2019, solicitando autorização para um empréstimo de R$ 1,2 bilhão para investimentos em mobilidade, habitação, drenagem e sustentabilidade, foi aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa.

Para ser aprovado o projeto de iniciativa do Governo Covas depende de voto favorável da maioria absoluta dos vereadores da Câmara Municipal de São Paulo.

De acordo com a propositura, as operações de crédito possuem o objetivo de financiar a execução de projetos de investimentos no Município de São Paulo.

Um empréstimo de até R$ 200 milhões está destinado ao financiamento de intervenções na área de mobilidade urbana, especificamente por meio da execução de obras e serviços complementares relacionados com a implantação e adequação do corredor de ônibus da Berrini-Avenida Chucri Zaidan, na zona Sul da capital.

Do restante do recurso, no valor de até R$ 1 bilhão, parte será aplicado ainda em intervenções na área de mobilidade urbana, “objetivando promover melhorias nas condições de funcionamento de corredores e vias urbanas”.

A outra parte da operação de crédito será usada em intervenções na área educacional e na área de inovação e tecnologia. O PL abarca ainda intervenções nas áreas de drenagem, visando à regularização da vazão de águas drenadas e eliminação de enchentes, e na área ambiental, com vistas ao desenvolvimento de políticas públicas que promovam a sustentabilidade do Município.

BERRINI/CHUCRI ZAIDAN

Apresentado em 2007, na gestão do então prefeito Gilberto Kassab, o trecho inicial, com 3 km, teve as obras iniciadas em novembro de 2013, na gestão Fernando, e foi entregue em 28 de dezembro de 2015 (com 3,3 km).

Um novo trecho, aberto em fevereiro de 2018, ampliou o corredor para 6,65 quilômetros, dando início à operação da Extensão Viária Chucri Zaidan.

Em 15 de setembro de 2018, como mostrou o Diário do Transporte, a prefeitura entregou um novo trecho de 530 metros do Corredor. No mesmo dia, a parada de ônibus Complexo JK também passou a funcionar, no canteiro central da Avenida Chedid Jafet. Relembre: SPTrans entrega trecho do Corredor Berrini neste sábado

Falta apenas a conclusão do túnel de 880 metros.

As obras do Corredor também serão contempladas por recursos do Fundo de Desenvolvimento Urbano – Fundurb, da prefeitura de São Paulo.

Como mostrou o Diário do Transporte, a prefeitura ampliou o limite para uso em 2020 para intervenções como construção e reforma de corredores de ônibus, implantação de ciclovias, melhoramentos de calçadas, construção de galerias para águas de chuva, construção de casas populares, bibliotecas, casas de cultura, entre outras. Relembre: Prefeitura de São Paulo amplia limite de Fundo de Desenvolvimento Urbano para 2020. Veja a relação de corredores de ônibus

emprestimo_prefa_chucri.jpg

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Comentários

Deixe uma resposta