SPTrans autoriza aditamento contratual para inclusão de veículos elétricos na frota da Transwolff

Publicado em: 18 de novembro de 2019

Veículos fazem parte de projeto realizado entre a Prefeitura, a empresa e a BYD

ALEXANDRE PELEGI

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMMT) autorizou um aditamento ao contrato de concessão assinado com a Transwolff Transportes e Turismo Ltda. para a inclusão de veículos elétricos na operação da empresa.

A autorização consta de publicação no Diário Oficial desta sexta-feira, 15 de novembro de 2019.

O aditamento refere-se à operação do Lote D10 do Subsistema Local de Distribuição do Sistema de Transporte Coletivo.

A alteração do Contrato de Concessão firmado com a Transwolff contém também a readequação das parcelas remuneratórias, segundo a publicação.

eletricos_transwolff

Os contratos com as empresas de ônibus foram assinados em 06 de setembro de 2019, e trazem metas anuais de redução de poluentes, dentro do estabelecido pela Lei de Mudanças Climáticas (lei 16.802, de 17 de janeiro de 2018).

PARCERIA COM A BYD

A Transwolff adquiriu 15 ônibus 100% elétricos da empresa BYD, empresa chinesa com planta em Campinas, no interior paulista.

Os veículos fazem parte de um projeto realizado entre a Prefeitura de São Paulo, a Transwolff e a BYD de geração de eletricidade por energia solar.

A fabricante BYD deve instalar placas fotovoltaicas em uma fazenda. A energia será distribuída ao ONS – Operador Nacional do Sistema, o que gera créditos para o carregamento das baterias destes ônibus na capital paulista.

Como mostrou o Diário do Transporte, o lote completo de 15 ônibus 100% elétricos fabricados pela BYD já está na garagem da empresa, na zona Sul da capital paulista. Relembre: Transwolff já está com os 15 ônibus elétricos da BYD

As oito unidades que faltavam para completar o lote, com carroceria Caio modelo Millennium IV, chegaram recentemente à garagem da empresa. Eles se juntaram aos sete veículos, quatro com carroceria Caio e três Marcopolo Torino LE, que já haviam sido entregues.

Com a alteração contratual autorizada pela SMMT, a frota deve começar a operar ainda neste mês.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Edilson Souza Soares disse:

    Parabéns SP pela modernização ônibus elétricos, zero poluição e inovação, dúvida, porque as maiorias dos ônibus são da Caio, e porque menos da Marcopolo, sendo a melhor carroceria

  2. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa noite.

    Esse é o BarsiLei.

    Depois de arrombada a porteira colocam a cerca.

    Os buzões verdes já chegaram, já fizeram propaganda e ainda agora é que vão aditar o contrato e o que é pior; só depois da autorização da fiscalizadora.

    Esse é o único país do mundo que quem trabalha de forma verde ainda precisa de aditar contrato.

    ACORDA BARSILei desse sono profundo e LEVANTA DESSE BERÇO ESPLENDIDO.

    Ou devolve para os portugueses, pois nem depois de mais de 500 anos a coisa vai.

    Att,

    Paulo Gil

  3. Rodrigo Barbosa Bento Alves disse:

    Vão rodar todos na linha 6030????

  4. Rodrigo Zika! disse:

    E a SPTrans fingindo não ver as outras empresas que não compraram sequer um desse, piada.

Deixe uma resposta