Em janeiro, Trem Intercidades terá audiência pública e BRT do ABC está com projeto final avançado

Publicado em: 24 de setembro de 2019

Trem da linha 7 entra no pacote de concessão. Foto: Adamo Bazani.

De acordo com o Secretário Executivo de Transportes Metropolitanos, Paulo José Galli, PITU 2040 contempla ônibus e trilhos. Transportes Metropolitanos terão aplicativo integrado

ADAMO BAZANI

Colaborou Jessica Marques

Em janeiro, o Trem Intercidades entre São Paulo, Jundiaí, Americana e Campinas terá a realização de uma audiência pública para que a iniciativa privada assuma os projetos, obras e operação.

A afirmação é do Secretário Executivo dos Transportes Metropolitanos, Paulo José Galli, durante palestra na Arena ANTP, evento da Associação Nacional de Transportes Públicos, que ocorre até o dia 26 de setembro, no Transamérica Expo, na zona sul de São Paulo.

A linha será a primeira de um pacote de trens que vão ligar diferentes regiões metropolitanas. O projeto vai englobar também a concessão da linha 7 Rubi da CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos.

Representando o Secretário Alexandre Baldy, Galli ainda disse que o Governo do Estado de São Paulo elabora o PITU – Plano Integrado de Transportes Urbanos para 2040 com algumas prioridades, como expansão do Metrô para cidades vizinhas da capital e ampliação dos corredores de ônibus metropolitanos.

Outro objetivo é integrar a região com uma tecnologia única de Bilhetagem Eletrônica.

Sobre planos mais próximos, Galli disse que existem três prioridades para esta gestão:

 – Término do Monotrilho da linha 17 Ouro da zona Sul da capital para até 2021

O Secretário Executivo Paulo Galli disse que falta a análise de um recurso na licitação das obras civis e que está mantida para 07 de outubro a abertura dos envelopes para o fornecimento dos trens leves com pneus e equipamentos.

– Linha 06 Laranja de Metrô

O governo quer definir ainda neste ano quem vai suceder o Consórcio Move SP para a retomada das obras da ligação entre a Vila Brasilândia, na zona Noroeste, e São Joaquim, na região central.

Hoje, o Diário do Transporte mostrou que o Metrô selecionou a empresa que vai fazer a análise das condições de solo e dos canteiros.

Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2019/09/24/metro-seleciona-empresa-que-vai-analisar-solo-para-prosseguimento-das-obras-da-linha-6-laranja/

– BRT do ABC Paulista

Paulo Galli disse ainda que está avançado o projeto final do BRT do ABC, meio de transporte escolhido para substituir o Monotrilho da linha 18. Galli voltou a dizer que a substituição foi uma decisão acertada já que o BRT tem capacidade elevada de demanda, semelhante a monotrilho, mas com custo menor.

No início do mês, o Secretário Alexandre Baldy esteve com prefeitos do ABC apresentando as linhas gerais do projeto e prometeu o detalhamento até dezembro. O sistema deve ligar São Bernardo do Campo, Santo André, São Caetano do Sul até o Terminal Sacomã, na zona Sudeste.

Na apresentação, Galli ainda disse que o governo do Estado desenvolve um aplicativo com informações integradas para o passageiro do Metrô, CPTM e EMTU.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Colaborou Jessica Marques

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Rodrigo Zika! disse:

    Só acredito vendo.

  2. raoni disse:

    Na minha opinião, a extensão da linha 2 verde até Penha deve ser uma prioridade da gestão, mesmo que a conclusão dela fique lá pra 2025. Ela vai impactar muito positivamente na Zona Leste!!!!

Deixe uma resposta