Bilhete Único de São Paulo emitido antes de 2014 pode ter créditos bloqueados neste mês

Publicado em: 8 de setembro de 2019
A medida tem como objetivo de combater fraudes na utilização do Bilhete Único. Foto: Adamo Bazani.

Prazo para utilização do saldo superior a R$ 43 de créditos do tipo Comum é até o fim do mês

JESSICA MARQUES

A SPTrans informou, em nota, que os usuários que possuem cartões do Bilhete Único emitidos antes de 2014 com créditos excedentes a R$ 43 do tipo Comum têm até o dia 30 de setembro para utilizá-lo.

A medida tem como objetivo de combater fraudes na utilização do Bilhete Único, também conforme informado pela SPTrans. Após esse período haverá bloqueio dos créditos do tipo Comum caso o valor seja superior a R$ 43 nessa carteira.

“Para reavê-los será preciso se cadastrar no site bilheteunico.sptrans.com.br e, após conclusão e aprovação da foto, retirar o novo cartão personalizado em um dos terminais de ônibus municipais. Em 72 horas, o munícipe poderá fazer a restauração dos créditos remanescentes. Caso não entregue o cartão antigo, será cobrada uma taxa de R$ 30,10, equivalente a sete tarifas”, orientou a SPTrans.

Além disso, segundo a SPTrans, não haverá bloqueio do cartão, mas dos créditos do tipo comum. Por exemplo, caso o munícipe tenha crédito Comum excedente a R$ 43 e Vale-Transporte no mesmo cartão, poderá continuar utilizando os créditos de Vale-Transporte normalmente.

Em maio, a Secretaria de Mobilidade e Transportes (SMT) prorrogou o prazo para uso dos créditos do tipo Comum por mais quatro meses para beneficiar os passageiros que possuíam saldo excedente e não conseguiriam utilizá-los até 1º de junho.

Confira abaixo as orientações da SPTrans:

Quem precisa trocar o Bilhete Único?

Somente quem possui no mesmo cartão as seguintes situações: 

– utiliza somente crédito Comum;

– não tem créditos vale-transporte;

– o cartão foi emitido antes de 2014 ou é anônimo; e

– não utilizará o excedente de crédito comum acima de R$ 43 até 30/09/2019.

A SPTrans orienta o usuário a consultar a situação do seu Bilhete Único através do link http://www.sptrans.com.br/consultabilhete, antes de se dirigir a um Posto de Atendimento.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Comentários

  1. Rodrigo Zika! disse:

    Eu liguei sábado no 156 e foi dito que os bilhetes antigos serão bloqueados mesmo se for usado como VT de empresa a partir do mês que vem, e quando for ativar e carregar e não precisa informar o novo número para a empresa, pois o VT e carregado pelo CPF.

  2. Vicente De Paula Neto disse:

    quem tem vt antigo sem foto ano 2002 tambem tera o bilhete proqueado?

  3. Paulo Gil disse:

    Amigos, boa noite.

    Bloquear BU até eu bloqueio.

    Quero ver é ressarcir os saldos que são de PROPRIEDADE DO DONO DO CARTÃO.

    Ainda aguardo o ressarcimento do meus R$ 20,00 que eu tinha a propriedade no meu BU levado no assalto em 2017.

    Para ser educado isto é no mínimo apropriação indébita.

    Ser assaltado não é legal, mas sinceramente os bandidos são mais honestos.

    Se eles querem o seu relógio não levam sua camisa.

    Já o Poder Público e Político do Barsil NÃO; LEVA TUDO.

    Sai o BU, entra o pagamento em dinheiro.

    PAGOU USOU; NADA DE PAGAMENTO ANTECIPADO PARA SER BLOQUEADO, DIGO “CONFISCADO”

    VERGONHA!

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta