Itanhaém divulga análise de viabilidade para licitação de serviços de ônibus

Publicado em: 23 de julho de 2019

Ônibus em Itanhaém. População na cidade ultrapassa 100 mil pessoas. Foto: Guilherme Estevan

De acordo com comunicado da prefeitura, modelo que se mostrou mais adequado é o de concessão por 15 anos prorrogáveis por igual período

ADAMO BAZANI

A prefeitura de Itanhaém, no Litoral Paulista, anunciou que concluiu as análises das vantagens e desvantagens dos modelos de gestão para a prestação dos serviços de transportes coletivos por ônibus na cidade e que vai optar por uma concessão de 15 anos prorrogáveis por outros 15 anos.

O comunicado foi publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo desta terça-feira, 23 de julho de 2019.

Ainda de acordo com a análise, a concessão deve ser por licitação na modalidade concorrência pública e o principal critério para considerar a empresa vencedora é o de menor tarifa oferecida.

O sistema atualmente é prestado pela empresa Litoral Sul Transportes, com mais de 30 ônibus.

A companhia atua na cidade desde agosto de 1993.

O comunicado não traz data de abertura de licitação.

De acordo com a estimativa mais recente do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Itanhaém possuía em 2018, uma população de 100 mil 496 pessoas.

A renda per capta é de R$ 16.454,23.

Ainda de acordo com o IBGE, o território de Itanhaém é de 601,711 km² e o índice de urbanização de vias públicas é de 6 %.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Iracema Aparecida disse:

    Precisamos mesmo de uma mudança urgente no transporte de Itanhaém
    Ontem dia 23/07 2019
    Nosso filhos voltaram as aulas na Escola técnica ETC, e foram barrados na catraca do ônibus porque não tinham autorização pra usar o passe escolar,que o próprio aluno paga pra ir e voltar da escola, isto e meia passagem porque o prefeito de Itanhaém não fornece passe escolar, para alunos da escola pública.
    Nós país ficamos indignados, os alunos que tinham dinheiro pagaram os que não tinham voltaram pra casa.
    A empresa culpou a secretária da educação, por não ter avisado a empresa.
    Isso e um dos casos
    Temos atraso de ônibus os alunos precisam ficar até 1 hora ou mais quando perde o ônibus no ponto. existe falta de ônibus no horário de pico principal mente em saída de escola.
    Horario das saídas da escola ETC 16:30 horario do ônibus16:30 é impossível chegar no ponto, aí fica mais 1 hora lá esperando
    Outro problema muitas vezes o ônibus se atrasa e vem dois, aí os passageiros desce e entra num só
    Falando com o responsável pela empresa que hoje ópera
    Ele me alegou
    O prefeito não paga os 50 por cento que deveria repassar para empresa
    As ruas sem condições de trabalhar os ônibus precisa de manutenção e não tem verba suficiente
    Infelizmente nós que precisamos do transporte público estamos a merce do descaso, da prefeitura, e da empresa que opera,
    Quem sabe havendo uma licitação vamos ter melhor qualidade, melhor comunicação entre secretaria da educação melhor qualidade de transporte porque está relacionado também com o prefeito em melhoria nas ruas por onde os coletivos passam

  2. Lima disse:

    Há há tô pagando pra ver.na rodovia tem tanto mato que já avistei cobra , serviço de porco,pago meus impostos e não vejo retorno.tom pensando seriamente em mudar pra Curitiba.

  3. Josy disse:

    Vai trocar essa porcaria?
    Demorou!
    É um absurdo pagar três reais pra andar num ônibus velho, repintado, caindo aos pedaços e com um wi fi que nem funciona!

  4. Leandro disse:

    Tem que vir outra empresa de ônibus, litoral tá um lixo, demora , ônibus sucateados, pneus carecas, não tem wi-fi e ar-condicionado confirme existe as propagandas, poucos ônibus nos horários de mais Picos e bairros onde o fluxo de moradores são maiores, passagens abusivas ….ahhh faz, favor coloca uma empresa decente e vans e trenzinho de volta , desafoga bastante …

Deixe uma resposta