Problemas com escada rolante causam acúmulo de passageiros na estação Pinheiros da Linha 4-Amarela

Grandes filas se formaram na estação. Foto: Daniel Mello

Segundo ViaQuatro, equipamento depois da análise foi reaberto, mas como escada fixa. Passando o horário de maior movimento, vai ser fechado novamente para reparo.

ADAMO BAZANI

Dificuldades para os passageiros na Estação Pinheiros da linha 4-Amarela do Metrô na manhã desta terça-feira, 30 de abril de 2019.

Os mezaninos na estação, escadas e acesso a plataformas registraram acúmulo de pessoas.

De acordo com a Via Quatro, concessionária de linha, houve um problema em uma das escadas rolantes e os técnicos tiveram de fechá-la para vistoria, o que ocasionou a situação

Veja as filas, no vídeo de Daniel Mello

Ainda segundo a empresa, o equipamento depois da análise foi reaberto, mas como escada fixa. Passando o horário de maior movimento, vai ser fechado novamente para reparo.

O acúmulo de pessoas foi registrado pro vários minutos, como mostra a foto de Alessandra Dias

 

Em nota, a ViaQuatro informou que a vazão do fluxo de passageiros ocorreu após a liberação do equipamento

A ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, informa que uma escada rolante da Estação Pinheiros apresentou falha e foi interditada, das 8h06 às 8h50 desta terça-feira. Após inspeção da equipe de manutenção, o equipamento foi liberado como escada fixa para dar vazão ao fluxo de passageiros

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes  

2 comentários em Problemas com escada rolante causam acúmulo de passageiros na estação Pinheiros da Linha 4-Amarela

  1. Amigos, bom dia.

    PREVISIVELLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

    O problema da linha 4 Amarela é de projeto.

    Escadas na plataforma, estações fundas (Pinheiros) sendo trânsito de passageiros sem fluxo único, ocorrendo muitos cruzamentos entre passageiros que vão e voltam ou se transferem de linhas.

    Isto é a economia a base da porcaria.

    Gostaria muiiiiiiiiiiiiiiiito de saber se tecnicamente o Corpo de Bombeiros aprovou esses acessos.

    Se um dia der um problema; não adianta chorar, é previsível:

    Metro 4 Amarelo KISS.

    Depois não venham com aquela conversa de que ninguém sabe ninguém viu e ninguém é responsável.

    Depois não digam que o Paulo Gil não avisou.

    Att,

    Paulo Gil

  2. Gil, liberaram…e saída de emergência dá no canteiro central da Marginal! Quem está na plataforma sentido Osasco a vê. Lembro que foi uma decisão pós-cratera…talvez o Diário tenha uma postagem sobre o assunto, lá em seus primórdios…

Deixe uma resposta