ANTT autoriza Pluma a criar seções em trajetos para o Paraguai e também decide sobre outras empresas

Algumas operações da Pluma têm sido feitas com ônibus da empresa de fretamento Trans Issak – Foto: Everaldo Bordini – Clique para Ampliar

Medida sobre a Pluma pode ajudar a companhia em momento de recuperação judicial

ADAMO BAZANI

A ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres autorizou a Pluma Conforto e Turismo a criar seções em trajetos para o Paraguai.

As respostas positivas aos pedidos da empresa podem ajudar a aumentar o interesse dos passageiros pelos serviços e a demanda contribuindo para ampliar a receita, o que é importante neste momento de recuperação judicial enfrentado pela companhia do Sul do País.

Como mostrou o Diário do Transporte, a empresa chegou a ter falência decretada, mas conseguiu reverter a decisão judicial. Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2019/04/02/justica-suspende-falencia-da-pluma/

De acordo com a deliberação 422 da ANTT, foi autorizada na linha Rio de Janeiro (RJ) – Asuncion (PY) a implantação dos seguintes mercados como seções:

– de Resende (RJ) para Foz do Iguaçu (PR), Cascavel (PR) e Medianeira (PR);

– de Barra Mansa (RJ), Aparecida (SP) e São José dos Campos (SP) paraFoz do Iguaçu (PR) e Cascavel (PR);

– de São Paulo (SP) para Foz do Iguaçu (PR), Cascavel (PR), Medianeira (PR) e Corbélia (PR).

Já pela deliberação 413, foram autorizadas as seguintes seções na linha São Paulo (SP) – Asuncion (PY): São Paulo (SP) – Medianeira (PR) e São Paulo (SP) – Corbélia (PR)

OUTRAS EMPESAS:

A ANTT também oficializou decisões sobre outras empresas.

A agência negou recurso da Viação São Bento Ltda que tentava cancelar a autorização de operação da linha Passos (MG) – Ribeirão Preto (SP) concedida à empresa Expresso União Ltda.

A Viação Xavante Ltda teve negado o pedido para implantar a linha Brasília (DF) – Barra do Garças (MT) com as seções de Brasília (DF) para São Luís de Montes Belos (GO) e Iporá (GO); de Goiânia (GO) para Barra do Garças (MT); e de Barra do Garças (MT) para São Luís de Montes Belos (GO) e Iporá (GO).

Também houve recadastramentos de empresas para os serviços de fretamento.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

3 comentários em ANTT autoriza Pluma a criar seções em trajetos para o Paraguai e também decide sobre outras empresas

  1. Renato Vieira dos Santos // 18 de abril de 2019 às 10:32 // Responder

    Uma empresa sem frota própria! Transbrasil ta aí como exemplo! Essa e a tendência, infelizmente.

  2. Wilson Guilherme Crema. // 19 de abril de 2019 às 15:29 // Responder

    Sem prescêndente.

  3. Wilson Guilherme Crema. // 19 de abril de 2019 às 15:33 // Responder

    Uma empresa praticamente falida,está agonizante,no soro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: