Com 330 ônibus vendidos, Volkswagen diz que cresceu 22% no Estado de São Paulo

Vila Galvão comprou 45 unidades. Foto: Divulgação Volkswagen (clique para ampliar)

Principais vendas foram para operadores urbanos e metropolitanos

ADAMO BAZANI

A Volkswagen vendeu 330 chassis de ônibus no primeiro trimestre deste ano no Estado de São Paulo, o que representa 22% em relação ao mesmo período de 2018.

A informação foi divulgada na tarde desta segunda-feira, 15 de abril de 2019, pela assessoria de imprensa da fabricante.

Em nota, a montadora diz que as principais vendas foram para operadores de ônibus urbanos e metropolitanos, como a Empresa Vila Galvão, de Guarulhos, na Grande São Paulo, com 45 unidades do modelo 17.230 ODS (com suspensão pneumática); 32 unidades entre ônibus convencionais e micros para a TCI -Transporte Coletivo de Itatiba, do interior paulista e sete unidades do Volksbus 18.280 OTS Low Entry (piso baixo e motor traseiro) adquiridos pela KBPX da capital paulista.

Dentre os principais contratos estão 45 unidades do Volksbus 17.230 ODS para a Vila Galvão, empresa de transporte urbano de passageiros, com sede em Guarulhos. Os veículos são equipados com suspensão pneumática na dianteira e na traseira e chegam proporcionando maior conforto aos passageiros com menor custo operacional.

Em Itatiba, no interior paulista, 32 novos veículos entrarão em ação no também no transporte urbano, na operação da TCI, Transporte Coletivo de Itatiba, com rodagem média de 5 mil quilômetros por mês. O lote é composto também pelos chassis Volksbus 17.230 ODS e também pelos micro-ônibus Volksbus 9.160 OD.

Luciano Consolini, sócio da TCI, conta ter feito uma minuciosa pesquisa de mercado antes de optar pela substituição de seus antigos veículos pelos Volkswagen.

“Consultamos outros empresários, bastante satisfeitos com os ônibus Volkswagen. Eles nos relataram excelente custo-benefício em relação à manutenção. O pós-vendas é outro ponto que os outros clientes elogiaram, além do atendimento da fábrica e da concessionária Maggi. Tudo foi bastante positivo”, comenta Consolini.

Já na capital paulista, sete Volksbus 18.280 OTS Low Entry adquiridos pela KBPX aumentarão o conforto a bordo para passageiros da cidade. ”Colegas empresários que já adquiriram falaram muito bem a respeito da performance do veículo e sua maciez”, conta Sérgio Kuba, empresário da KBPX.

“Todo o negócio de ônibus é estruturado para oferecer apoio total ao cliente, desde a engenharia de produtos robustos para encarar o trânsito intenso das cidades, até o atendimento da estrutura de vendas e pós-vendas, que conta com todo o suporte de nossa rede de concessionárias”, afirma Jorge Carrer, gerente executivo de Vendas de Ônibus da Volkswagen Caminhões e Ônibus

Como mostrou o Diário do Transportem, na semana passada, para a Pêssego Transportes, do subsistema local da zona Leste da Capital Paulista, foram comercializadas 50 unidades da marca entre os modelos 9.160 OD (micros) e 17.230 (convencional de motor dianteiro).

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2019/04/11/entrega-de-lote-de-50-onibus-da-pessego-transportes-para-a-zona-leste-de-sao-paulo-vai-ser-concluida-em-setembro-diz-revendedora-volkswagen/

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 comentário em Com 330 ônibus vendidos, Volkswagen diz que cresceu 22% no Estado de São Paulo

  1. Continua sendo muito pouco, apesar de ser tão bom ou melhor que a Mercedes. Infelizmente Há um cartel no Brasil inteiro a favor da Mercedes e Volvo. É difícil concorrer assim com uma mídia que só elogia a Mercedes.

1 Trackback / Pingback

  1. Com 330 ônibus vendidos, Volkswagen diz que cresceu 22% no Estado de São Paulo – Adamo Bazani – FamilyDeals

Deixe uma resposta