Linhas de ônibus de Recife mudam ponto de parada na Avenida Guararapes

Mudanças já estão em vigor. Foto: Divulgação.

Sete itinerários com paradas na Rua Primeiro de Março, próximo à Praça da Independência, estão sendo distribuídas

JESSICA MARQUES

O Grande Recife Consórcio de Transporte informou, em nota, que sete linhas de ônibus de Recife tiveram que passar por alterações no ponto de parada na Avenida Guararapes.

As linhas que têm parada na Rua Primeiro de Março próximo à Praça da Independência, serão distribuídas entre pontos de embarque e desembarque de passageiros na Avenida Guararapes.

Segundo o Consórcio, a mudança tem como objetivo “melhorar o atendimento ao usuário e dar mais fluidez ao trânsito da região”.

Confira as alterações segundo o Grande Recife Consórcio:

Com a mudança, as linhas 713 – Bomba do Hemetério717 – José Amarino dos Reis721 – Água Fria722 – Campina do Barreto723 – Cajueiro e 724 – Chão de Estrelas deixam de atender a parada de nº 180290 localizada na Rua Primeiro de Março, antes do cruzamento com a Avenida Dantas Barreto. Já a linha 860 – TI Xambá (Príncipe) deixa de atender a parada nº 180292 localizada na Avenida Guararapes, em frente ao Edifício Santo Albino, pois o ponto será removido.

A partir desta quinta-feira (07), os usuários passam a embarcar ou desembarcar nestas linhas na Avenida Guararapes da seguinte forma:

A parada de nº 180293, que fica em frente à financeira Help, atendia somente a linha 711 – Alto do Pascoal, passa a atender os ônibus da 722 – Campina do Barreto, 723 – Cajueiro, 724 – Chão de Estrelas e 860 – TI Xambá (Príncipe).

Já a parada de nº 180294, localizada em frente à antiga agência do Banco do Brasil e que atende as linhas 712 – Alto Santa Terezinha e 726 – Alto Santa Terezinha (Conde da Boa Vista), passa a atender também os ônibus da 711 – Alto do Pascoal, 713 – Bomba do Hemetério, 717 – José Amarino dos Reis e 721 – Água Fria.

Em caso de dúvidas, sugestões ou reclamações o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (0800 081 0158) ou WhatsApp para reclamações, (99488.3999).

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta