Linha 1-Azul volta a operar sem restrições

Foto meramente ilustrativa

Com problemas no início da manhã, trens não circularam entre as estações Jabaquara e Saúde; sistema Paese teve que ser acionado

ALEXANDRE PELEGI

A Linha 1-Azul do Metrô de São Paulo voltou a operar sem restrições por volta das 9h:20, após problemas na manhã desta segunda-feira, dia 21 de janeiro de 2019.

Problemas operacionais levaram os trens a circularem com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações Tucuruvi e Saúde.

Entre as estações Saúde e Jabaquara a circulação teve de ser interrompida, e o sistema Paese foi acionado no trecho.

Por conta das restrições operacionais da Linha 1, os trens da Linha 3 – Vermelha também tiveram de circular com velocidade reduzida.

O Metrô restringiu a entrada de passageiros em todas as estações da linha Azul, a fim de reduzir o fluxo de passageiros. As estações Jabaquara, Conceição e São Judas foram fechadas.

Os problemas começaram por volta das 7h:30.

O Metrô informou por meio das redes sociais, por volta das 9h:15, que as três estações foram reabertas, e que a circulação e velocidade dos trens na linha estavam sendo “gradativamente retomadas”.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Tiago disse:

    Já existe um posicionamento oficial sobre o que causou?

    ouvi dizer que foi falha humana, que um operador operou o trem no modo manual num trecho onde não estava autorizado e houve uma colisão com uma barreira.

    é isso mesmo?

    perigoso hein

Deixe uma resposta