Reajuste da tarifa de ônibus de Contagem (MG) é adiado para quinta-feira

Data inicial para aumento seria esta quarta-feira, mas valor não subiu

JESSICA MARQUES

O reajuste da tarifa de ônibus de Contagem, em Minas Gerais, foi adiado para esta quinta-feira, 10 de janeiro de 2019. A data inicial para o aumento deveria ser esta quarta-feira, 9, mas o valor não subiu.

Segundo informações da Prefeitura, o decreto que autoriza a tarifa a passar de R$ 4,05 para R$ 4,50 estava previsto para ser publicado na segunda-feira, mas a publicação não ocorreu. Por esse motivo, o reajuste foi adiado em um dia.

Relembre: Tarifa de ônibus de Contagem (MG) tem reajuste a partir de quarta-feira e empresas de transportes assumem compromissos com Prefeitura

A partir de amanhã, o valor da passagem de ônibus vai de R$ 4,05 para R$ 4,35 apenas para quem usar o cartão Ótimo. Para pagamento em dinheiro, preço será R$ 4,50, um aumento de 11%.

Confira a nota da Prefeitura, na íntegra:

“A Transcon informa que o aumento de tarifa no sistema de transporte coletivo municipal foi postergado para amanhã, dia 10 de janeiro. Ressalta que a medida acontece devido a um problema de operação na publicação no Diário Oficial de Contagem.

O Decreto Municipal 849/2019 estava previsto para publicação na segunda-feira (7), mas, devido ao contratempo mencionado, o reajuste não foi publicado a tempo para conhecimento da população.

Em razão disso, o aumento nas passagens terá vigência a partir da 0h01 desta quinta-feira (10). Lembra que as empresas de ônibus estavam aguardando a publicação do referido decreto para, assim, adotar o novo valor tarifário.”

O decreto municipal foi publicado nesta quarta-feira, 9 de janeiro de 2019. Confira o conteúdo, na íntegra:

5c90f430-185d-4abd-9fce-10a95cd3f5dc.jpgEm coletiva de imprensa no dia 28 de dezembro de 2018, o prefeito Alex de Freitas havia garantido que o município não iria aumentar o valor das passagens de ônibus conforme solicitaram as concessionárias. O chefe do Executivo condicionou qualquer aumento à melhoria no sistema de transporte, o que ficou acordado com as empresas.

Relembre: Prefeito de Contagem se nega a conceder aumento da tarifa de ônibus solicitado pelas empresas

As empresas tiveram que assumir compromissos, como a renovação de 50% da frota neste ano e a outra metade em 2020 e instalação de GPS em todos os ônibus, segundo informações do G1 da região de Contagem.

Em dois meses, as empresas também devem concluir um aplicativo que mostre o horário e a localização dos ônibus, além de instalar Wi-Fi gratuito para os passageiros.

Outra exigência foi que as empresas providenciem postos itinerantes para facilitar a emissão de cartões Ótimo, que é gratuita.

Por fim, no segundo semestre deste ano, deve haver a possibilidade de pagamento da passagem com cartão de crédito.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta