Princípio de incêndio atinge Marcopolo em Caxias do Sul

A sede da empresa Marcopolo em Ana Rech fica em Caxias do Sul. Foto: Divulgação.

Segundo a assessoria de imprensa, atividades de produção já voltaram normalmente

JESSICA MARQUES

ADAMO BAZANI

A sede da empresa Marcopolo em Ana Rech, Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, registrou um princípio de incêndio na tarde desta sexta-feira, 23 de novembro de 2018. Quatro caminhões do Corpo de Bombeiros atenderam a ocorrência.

A informação divulgada pela corporação é que de que as chamas atingiram o setor de pinturas.

Segundo a assessoria de imprensa da Marcopolo, o que ocorreu foi um princípio de incêndio e as atividades de produção já voltaram normalmente. Ninguém ficou ferido.

Confira a nota da empresa na íntegra:

“A Marcopolo S.A. informa que, na tarde desta sexta-feira, dia 23 de novembro, ocorreu um princípio de incêndio na Unidade de Ana Rech, que foi prontamente extinguido.

Não houve feridos, nem danos materiais relevantes e a produção foi prontamente restabelecida.

A empresa agradece e destaca o importante trabalho de sua Equipe Interna de Combate a Incêndios e do Corpo de Bombeiros de Caxias do Sul no pronto atendimento”.

INCÊNDIO EM UNIDADE DE PLÁSTICOS COMPLETOU UM ANO

Há mais de um ano, em 3 de setembro de 2017, um incêndio destruiu parcialmente a unidade de plásticos da Marcopolo em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul.

Relembre:

https://diariodotransporte.com.br/2017/09/03/assista-video-incendio-atinge-unidade-da-marcopolo-em-caxias-do-sul/

As chamas, que duraram mais de 4 horas, não chegaram ao módulo principal da fábrica onde são feitas as carrocerias, mas prejudicaram a produção de itens de plástico para outras plantas fabris, que se concentravam no prédio.

O orçamento para a nova fábrica ultrapassa R$ 50 milhões: perto de R$ 20 milhões da obra e mais de R$ 30 milhões somando-se os gastos com os novos moldes, cabines, maquinário e equipamentos. As construções já estão mais de 70% prontas.

SUPERAQUECIMENTO NA NEOBUS

A fábrica da Neobus teve superaquecimento nos equipamentos em 17 de novembro de 2018. O incidente ocorreu no setor de laminação da unidade Plásticos da empresa, uma das fábricas da Marcopolo em Ana Rech.

Na ocasião, o pavilhão foi evacuado por procedimento de segurança no momento do ocorrido, mas os trabalhos foram retomados quase que imediatamente, segundo a empresa.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes e Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta