Empresas e trabalhadores entram em acordo e possibilidade de greve de ônibus em São Paulo é afastada

Motorista de trólebus é um dos profissionais que vai ganhar mais

Motoristas, cobradores e demais funcionários das viações vão ter 2,8% de aumento e profissional que dirige trólebus, articulados, superarticulados e biarticulado vai ganhar 12% a mais

ADAMO BAZANI

As empresas de ônibus de São Paulo e os funcionários do sistema de transportes entraram em acordo sobre a campanha salarial deste ano.

Com isso, as possibilidades de greve de ônibus em São Paulo foram afastadas.

Segundo Sindimotoristas, que representa os trabalhadores, e o SPUrbanuss, que reúne a empresas de ônibus do subsistema estrutural, os salários, contando o retroativo de abril, vão ser reajustados em 2,8%. A PLR – Participação nos Lucros e Resultados foi fixada em R$ 1300. Retroativo a partir de  1° de maio, o Vale-Refeição para R$ 23,00 .

Outra novidade é que os motoristas de trólebus, ônibus articulados, ônibus superarticulados e ônibus biarticulados vão ganhar 12% a mais que os outros, proporcionalmente às horas trabalhadas nos veículos destes tipos.

Os resultados dos principais pontos negociados e os valores das horas pagas de acordo com cada função são os seguintes:

1 – Reajuste Salarial

PISO SALARIAL (HORA) – 2018/2019 (SALÁRIO NORMATIVO)

Reajuste de 2,8 % (dois virgula oito por cento) aplicado sobre os salários de abril/2018.

Função Salário/hora  Motorista  R$  12,88  (doze reais e oitenta e oito centavos) Cobrador  R$   7,47  (sete reais e quarenta e sete centavos) Funileiro Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Mecânico Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Eletricista Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Pintor Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Moleiro Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Soldador Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Fibreiro Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos) Socorrista Oficial  R$  14,90  (quatorze reais e noventa centavos)

2 – Vale Refeição

O vale refeição deverá ser majorado para R$ 23,00 (vinte e três), a partir de 1º de maio de 2018.

3 – PR -Participação nos Resultados

Será pago a título de participação nos resultados o valor de R$ 1.300,00 (um mil trezentos reais).

4 – Ausência para Consulta Média/Internação Hospitalar.  

Assegura-se o direito a ausência remunerada de 4 (quatro) dias por ano à empregada(o) para acompanhar filho menor ou dependente previdenciário de até 6 (seis) anos de idade à consulta média ou internação hospitalar, mediante comprovação no prazo 48 (quarenta e oito) horas.

Já o piso salarial de cada categoria passa a ser da seguinte maneira:

 

Os salários e benefícios valem tanto para os trabalhadores das empresas do subsistema estrutural (viações com ônibus maiores que atendem às linhas que passam pelo centro) e do subsistema local (empresas que operam nos bairros, que surgiram das cooperativas).

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: