Fique atento: Rodízio de veículos volta nesta segunda em São Paulo

Outras restrições, como a caminhões e ônibus e vans de fretamento continuam também normalmente

Multa é de R$ 130,16, além de quatro pontos na carteira

ADAMO BAZANI

Quem dirige pela capital paulista, mesmo tendo placas de outras cidades, deve estar atento porque nesta segunda-feira, 15 de janeiro, volta a vigorar o Rodízio Municipal de veículos.

A multa para o descumprimento do rodízio é de R$ 130,16, além de quatro pontos na Carteira Nacional de Habilatação.

Os dias de restrição de acordo com os finais das placas, os horários e os locais de vigência do rodízio continuam os mesmos.

O rodízio ocorre no Centro Expandido, incluindo as vias que delimitam o chamado Mini Anel Viário, formado pelas marginais Tietê e Pinheiros, avenidas dos Bandeirantes e Afonso D´Esccragnole Taunay, Complexo Viário Maria Maluf, avenidas Tancredo Neves e Juntas Provisórias, Viaduto Grande São Paulo e avenidas Professor Luís Inácio de Anhaia Melo e Salim Farah Maluf.

Os horários são de segunda a sexta-feira das 7h às 10h e das 17h às 20h. Não há rodízio aos sábados, domingos e feriados.

As restrições de acordo com os finais das placas continuam sendo da seguinte maneira:

Segunda-feira: Placas de final 1 e 2

Terça-feira: Placas de final 3 e 4

Quarta-feira: Placas de final 5 e 6

Quinta-feira: Placas de final 7 e 8

Sexta-feira: Placas de final 9 e 0

Por causa das férias escolares e diminuição do trânsito na cidade, o rodízio de veículos ficou suspenso entre os dias 22 de dezembro de 2017 e 12 de janeiro de 2018, mas agora, segundo a CET – Companhia de Engenharia de Tráfego, precisa voltar em razão do aumento do volume de carros nas vias, o que agravaria os congestionamentos e a poluição.

Neste período de férias, porém, continuaram valendo o rodízio de placas para veículos pesados (caminhões) e as demais restrições: Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição ao Fretamento (ZMRF).

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: