CET-SP divulga base de dados da Pesquisa Origem e Destino de Cargas de SP

O estudo é inédito no país, e contribui para informar a dinâmica da circulação de mercadorias principalmente na capital, a sexta maior metrópole do mundo

ALEXANDRE PELEGI

A Pesquisa Origem e Destino de Cargas de São Paulo foi concluída e a base de dados está disponível no site da Companhia de Engenharia de Trafego – CET.

O estudo é inédito no país, e contribui para informar a dinâmica da circulação de mercadorias principalmente na cidade de São Paulo, a sexta maior metrópole do mundo.

O acesso completo à Pesquisa pode ser obtido através do link:

http://www.cetsp.com.br/consultas/pesquisa-origem-e-destino-de-cargas/download-banco-de-dados-e-mapas.aspx

Realizar a ‘Pesquisa de origem/destino de cargas no município de São Paulo’ foi um dos grandes desafios do Programa STAQ (Sustainable Transport and Air Quality), em parte pelo pioneirismo do projeto, em parte pela dimensão que o transporte de mercadorias assume na maior metrópole da América do Sul.

Foram mais de três anos de trabalho, do desenvolvimento da metodologia da pesquisa, definição do zoneamento e do plano amostral, elaboração dos questionários e dos manuais para treinamento de supervisores e pesquisadores, passando pela aplicação de uma pesquisa piloto, até chegar na aplicação da pesquisa final em cerca de 3 mil estabelecimentos espalhados pela Capital.

Dois resultados imediatos podem ser esperados deste projeto financiado pela ANTP – Associação Nacional dos Transportes Públicos, com recursos da Doação do Banco Mundial com recursos do Global Environment Facility – GEF: o primeiro é que a Cidade de São Paulo ganha agora uma importante ferramenta de planejamento para ser aplicada na gestão do transporte de carga urbana, permitindo o desenvolvimento de uma política que otimize as condições de circulação na metrópole e, por consequência, contribua para a redução da emissão de poluentes, em especial os gases de efeito estufa, objetivo central do GEF.

caderno_OD_cargasO segundo resultado é mais amplo, com a máxima difusão da metodologia desenvolvida neste projeto para que outras cidades possam desenvolver estudos semelhantes. A ANTP, através da edição de um Caderno Técnico, tornou público e disseminou o conhecimento produzido. Você pode fazer o download do Caderno no link:

http://files-server.antp.org.br/_5dotSystem/download/dcmDocument/2016/02/24/B00BB2C9-B4C0-4F4E-B469-55079FD6CBDC.pdf

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transporte

1 comentário em CET-SP divulga base de dados da Pesquisa Origem e Destino de Cargas de SP

  1. Amigos, bom dia.

    Mais um estudo.

    E cade a aplicação prática.

    O Barsil é o pais que mais se estuda.

    Mas só estuda.

    Falta a aplicação prática do conhecimento e das tecnologias.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: