Tecnologia ajuda passageiros a programarem viagem na região metropolitana de Curitiba

Pelo aplicativo da Metrocard, é possível saber dos horários das linhas e previsão de quando o ônibus vai passar, tudo em tempo real

ADAMO BAZANI

O aplicativo para celulares da Metrocard completou, no início de julho, dez meses de lançamento e já faz parte da rotina de diversos passageiros do sistema de ônibus que operam em 18 cidades que compõem a região metropolitana de Curitiba.

Pela ferramenta, é possível programar os deslocamentos diários, sabendo em tempo real os horários de partida dos ônibus, a previsão de quando devem passar no ponto e o tempo aproximado de viagem.

Com estas informações, há a possibilidade de aproveitar melhor o tempo, seja para estudar, descansar ou ficar alguns minutos a mais com a família.

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente pelas lojas virtuais do celular, como Google Play e Apple Store.

A ferramenta traz informações dos horários e localização de mais de 200 linhas de ônibus, seja nos dias úteis, sábados, domingos e feriados.

Também é possível selecionar as linhas mais usadas, colocando-as na opção “Favoritos”. Assim, da próxima vez, o acesso às informações se torna mais rápido ainda.

O aplicativo é destinado para quem possui o cartão Metrocard.

Outra funcionalidade é que é possível conversar online com os atendentes da Metrocard. Para isso, é necessário informar o nome e um e-mail para contato. A conversa será via chat, ou seja, troca de mensagens ao vivo, sem custo adicional.

No primeiro acesso, o passageiro deve preencher um cadastro com os dados pessoais, como nome completo, e-mail, CPF e data de nascimento, além de concordar com o termo de uso do serviço. O sistema pede para aceitar a busca automática pelo Metrocard Wi-Fi em um pontos de acesso gratuito à internet, mas esta função é opcional.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 comentário em Tecnologia ajuda passageiros a programarem viagem na região metropolitana de Curitiba

  1. Amigos, bom dia.

    Nada contra tecnologia, mas isso é perfumaria.

    Se o buzão passa no horário, com intervalos de 4 minutos e faz o trajeto mais reto possivel; não precisa de nada não nem de App.

    Agora de que adianta App se o buzão não funciona, a linha é zigzagueada caranguejada e ainda tem o carro bota igual aqui em Sampa.

    Por isso que em Sampa o GPS não funciona (mas dizem que existe) e nem App tem

    Rssssssssssssssssssssssssss

    NADA MUDA NESSE BARSIL

    Att,

    Paulo Gil

1 Trackback / Pingback

  1. Tecnologia ajuda passageiros a programarem viagem na região metropolitana de Curitiba – Diário do Transporte – Soynadie Press Agency

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: