BluMob, a Piracicabana de Blumenau, começa a operar com tarifa mais alta e  ônibus novos

Publicado em: 1 de julho de 2017

Outros 142 ônibus usados serão substituídos em três anos

ADAMO BAZANI

Iniciaram neste sábado, 1º de julho de 2017, as operações da Blumob, a Viação Piracicabana de Blumenau, em Santa Catarina.

Os serviços para a população já começaram mais caros. A tarifa subiu para R$ 3,90.

Como a Piracicabana foi a única empresa a participar da licitação, conseguiu vencer oferecendo proposta com tarifa de maior valor.

A empresa do Grupo Comporte, de Constantino Oliveira, opera de forma emergencial em Blumenau desde fevereiro de 2016, ano em que a prefeitura descredenciou as viações do Consórcio Siga por eventual descumprimento nos contratos com poder público.

As operações da Blumob, nome para a Sociedade de Propósito Específico – SPE  da Piracicabana exigida pela prefeitura para prestação dos serviços, começaram com 104 ônibus novos e 17 dias antes do previsto. O contrato emergencial com a Piracicabana ia até 17 de julho.

Em nota, a prefeitura de Blumenau explica a distribuição da nova frota:

Dos veículos zero quilômetro, quatro serão vans, 15 serão microônibus, 49 serão ônibus de 12,8 metros, 15 ônibus serão de 13,3 metros e 21 ônibus serão de 15 metros. Todos eles têm 100% de acessibilidade, acesso gratuito à internet via wi-fi e tomadas para carregar dispositivos eletrônicos portáteis.

Os ônibus de 15 metros funcionarão nas linhas troncais, principalmente no Troncal 10 – Via Rua São Paulo, e estarão equipados com duas catracas para dar mais agilidade nos embarques. Uma das catracas funcionará exclusivamente para pagamentos com cartão e a outra para cartão e dinheiro. Os ônibus de 12,8 metros e 13,3 metros também atuarão nas linhas troncais.

Os microônibus operarão em algumas linhas alimentadoras, que fazem ligações entre os bairros e os terminais mais próximos. São elas: 307 – Francisco Becker, 311 – Dona Edith, 404 – Nova Rússia, 406 – Leopoldo Heringer, 407 – Manoel Salvador, 408 – André Nicoletti, 423 – Grevsmuehl, 505 – Itapuí, 506 – Pastor O. Hesse/Garuva, 510 – Oscar Burger, 604 – São João, 702 – Vila Nova, 705 – Ponte do Salto, 709 – Boa Vista e parte das linhas 421 – Belo Horizonte, 422 – Rua Brusque e 501 – Bom Retiro.

As vans totalmente adaptadas serão utilizadas especificamente no serviço Blufácil, que transporta pessoas com dificuldades severas de locomoção para realização de tratamento de saúde, mediante agendamento prévio.

Os novos veículos se somam a 142 usados que já vem operando no contrato emergencial da Piracicabana. Esses ônibus mais antigos serão substituídos no prazo de até três anos.

O contrato com a BluMob é de 20 anos com o valor de R$ 1,85 bilhão.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. MARCOS NASCIMENTO disse:

    Um contrato longo demais para uma cidade de porte médio como Blumenau é algo deveras perigoso. E pensar … que se Malddad tivesse sido reeleito prefeito de São Paulo ele assinaria também um contrato de 20 anos com as atuais empresas! Pelo menos nessa questão o atual prefeito Dória anunciou que vai rever (e possivelmente voltará para 10 anos de contrato). No entanto é sabido que as mesmas empresas continuarão no negócio em São Paulo e isso tem se repetido em todas as cidades e capitais que até agora fizeram licitação e com apenas algumas diferenças em algumas delas. De qualquer forma os 85 ônibus troncais O Km (renovação de 100% da frota nas linhas troncais) foi bem vinda em uma cidade que não via ônibus novos há um bom tempo.

  2. Paulo Gil disse:

    Amigos, bom dia.

    Quem tem cash tem, quem não tem não abre empresa nem com Caio Máscara Negra restaurado de Minas Gerais.

    A pintura podia ter sido mais legal, ficou muito “palida”.

    Desculpem a minha ignorância.

    “O contrato com a BluMob é de 20 anos com o valor de R$ 1,85 bilhão.”

    Ninguém nem sabe quantos passageiros a Blumob vai transportar amanhã, e como fecham um valor por 20 anos ???

    Esse valor é a Blumob que pagará para a prefeitura de Blumenau ?? ou

    A prefeitura de Blumenau que pagará para a Blumob ????

    Quem puder responder eu agradeço.

    Essa conta é uma verdadeira “caixa branca”.

    Precisa ser muito bom de matemática para assinar um contrato com esse valor por 20 anos num pais inflacionário e com o desmando que vem desde 1500.

    Só posso concluir que vou morrer pobre e sem nem um Caio Máscara Negra.

    Adoraria ter paciência para ler esse contrato ou qualquer outro de buzão do Barsil que cabo a rabo, mas hoje creio que naõ tenho mais saco, afinal aprendi que Papai Noel não existe.

    Quero ver quando vai sair a licitação de Sampa.

    Os leitores do Diario podiam fazer um bolão e quem ganhar ganhará uma passagem para fazer um tour naquele DD reformado que faz a linha turística de Sampa, por apenas R$ 40,00.

    Hoje vi o bicho feio lá na Praça da República, o adesivação feia, padrão fiscalizadora

    Rssssssssssssssssssssssssssss

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta