Prefeitura deve realizar audiências públicas sobre licitação dos ônibus em São Paulo nas prefeituras regionais

Esta foi uma das sugestões na audiência realizada nesta quinta-feira, que foi marcada por lotação e poucas informações

ADAMO BAZANI

O secretário Municipal de Transportes e mobilidade Sérgio Avelleda disse na manhã desta sexta-feira, 2 de junho de 2016, que a prefeitura deve realizar audiências públicas regionalizadas sobre a licitação dos transportes por ônibus da cidade de São Paulo. É o maior sistema sobre pneus do mundo com quase 15 mil veículos e nove milhões de passageiros por dia, contando com as integrações com o Metrô e a CPTM.

A informação foi dada À reportagem da TV Globo nesta manhã e, de acordo com o secretário, atende sugestões feitas na primeira audiência pública sobre o tema realizada nesta quinta-feira, 01 de junho, que teve cobertura do Diário do Transporte

O auditório do Instituto de Engenharia de São Paulo, que tem capacidade para cerca de 170 pessoas, estava totalmente lotado. Compareceram à audiência em torno de 500 participantes.

Além do calor e do tumulto, o público reclamou também de respostas evasivas a questionamentos sobre o novo sistema.

O secretário disse que a audiência foi proveitosa, com mais de 160 questionamentos, e que a audiência foi para apresentar apenas as diretrizes básicas da minuta de licitação que deve ser publicada ainda neste mês.

As novas audiências públicas devem ocorrer nas 32 prefeituras regionais da cidade de São Paulo, com datas ainda a serem definidas.

Entre as linhas gerais apresentadas estão a mudança de remuneração dos empresários de ônibus, que deve ser pelos custos do sistema e por indicadores de qualidade e satisfação do passageiro; implantação de equipamentos tecnológicos nos ônibus, como botão de pânico, ar condicionado, sistema wi-fi e carregadores USB. O sistema deve ser dividido em 21 centralidades operadas por três subsistemas: local de distribuição (dentro de cada centralidade), local de articulação (entre as centralidades e as linhas maiores ou ao sistema de trilhos) e estrutural (linhas maiores até o centro). Relembre aqui com entrevista em ÁUDIO com Sérgio Avelleda e a carta das nove associações pedindo mais audiências públicas:

https://diariodotransporte.com.br/2017/06/01/taxa-de-retorno-dos-empresarios-de-onibus-em-sao-paulo-sera-seguramente-menor-que-atual-diz-avelleda-sobre-licitacao/

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes