BYD inicia testes para carro elétrico compartilhado em Porto Alegre

O prefeito Nelson Marchezan Junior deu uma volta e gostou do veículo da BYD. Foto: Joel Vargas/Prefeitura Municipal Porto Alegre

Objetivo do projeto, em médio prazo, é demonstrar viabilidade do compartilhamento de automóveis, aos moldes do que já é realizado com bicicletas na capital gaúcha

ALEXANDRE PELEGI

A EPTC – Empresa Pública de Transporte e Circulação, de Porto Alegre, em parceria com a Procempa – órgão de processamento de dados da prefeitura municipal, iniciou os testes para o carro elétrico compartilhado na Capital gaúcha.

O carro elétrico é da empresa chinesa BYD, referência em veículos elétricos no mundo, e tem autonomia de uso de 300 quilômetros. O objetivo do projeto, em médio prazo, é demonstrar a viabilidade do compartilhamento de automóveis, aos moldes do que já é realizado com bicicletas (sistema BikePoa), onde o usuário, mediante pagamento de uma taxa, retira o carro em uma estação e pode devolvê-lo na mesma ou em outra estação.

Os testes terão duração de 20 dias, e ficarão a cargo dos técnicos da EPTC. O diretor-presidente do órgão de trânsito e transporte, Marcelo Soletti, afirmou que nos próximos dias será lançado edital para exploração desse tipo serviço na cidade, prevendo estações e carros disponíveis para utilização da população.

O prefeito Nelson Marchezan Junior deu uma volta e aprovou o veículo da BYD.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes