Rodoviária de BH volta para Estado que deve colocar linhas metropolitanas

Terminal Rodoviário de BH deve ser readequado ao voltar para o estado.

Prefeitura deve fazer uma nova rodoviária, uma promessa antiga

ADAMO BAZANI

O governo do estado de Minas Gerais depois de 12 anos volta a ser responsável pela administração e gerenciamento do terminal rodoviário Governador Israel Pinheiro, no centro de Belo Horizonte. Será formada ainda nesta semana uma parceria entre a empresa estadual Codemig – Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas – Setop e o Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais.

Há 12 anos o governo do estado tinha transferido para prefeitura a gestão do terminal por meio de um convênio cujo prazo se esgotou nesta segunda-feira 4 de janeiro. Segundo o DER, o convênio foi para a construção de uma nova unidade o terminal rodoviário.

A administração da rodoviária atual será pela Prominas. O governo do estado deve fazer mudanças na operação do local incluindo a parada de veículos do sistema de transporte Metropolitano, adequando o espaço. Para que isso aconteça, no entanto, a prefeitura de Belo Horizonte deve concluir uma nova rodoviária na capital mineira.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: