Zona Leste concentra a maior parte das linhas com mais reclamações em São Paulo

linhas reclamação

Ônibus da Via Sul. Empresa opera linha com maior número de reclamações na cidade.

No ranking geral, linha com maior número de queixas é a 547J/10 em levantamento do segundo trimestre feito pela SPTrans

ADAMO BAZANI

Se a licitação dos transportes na cidade de São Paulo tem como objetivo de fato melhorar a prestação dos serviços de ônibus na Capital Paulista deve analisar a cidade como um todo.

Mas algumas áreas estão bem mais carentes de ações que tragam avanços na gestão e na operação.

É o caso da zona Leste. Segundo dados da SPTrans – São Paulo Transporte, gerenciadora do sistema de mobilidade, divulgado pelos sites Fiquem Sabendo, de Leo Arcoverde, Via Trolebus, de Renato Lobo, a região concentra seis das dez linhas que lideram o ranking de reclamações recebidas pela prefeitura.

Grande parte das linhas da zona Leste atende às estações de trem e metrô e possui trajetos longos, passando por vias congestionadas. Uma das propostas da licitação é encurtar os itinerários e evitar sobreposições. Já as licitações para os corredores de ônibus enfrentam diversas dificuldades, desde problemas com projetos, restrições financeiras e constantes reprovações por parte do TCM – Tribunal de Contas do Município. Os corredores de ônibus auxiliam não apenas na velocidade dos transportes, mas acima de tudo, na confiabilidade, reduzindo as possibilidades de atrasos.

A SPTrans informou que o número de reclamações neste primeiro semestre caiu 36,3% e aponta a licitação como um dos fatores para mais melhorias no sistema.

A relação das dez linhas com maior número de reclamações é a seguinte:

1º) 574J/10 – Metrô Conceição/Terminal Vila Carrão – 75 queixas

2º) 9032/10 – Jardim Damasceno / Terminal Vila Nova Cachoeirinha – 54 queixas

3º) 917H/10 – Terminal Pirituba / Metrô Vila Mariana – 53 queixas

4º) 702C/10 – Jardim Bofiglioli / Metrô Belém – 48 queixas

5º) 875C/10 – Terminal Lapa / Metrô Santa Cruz – 46 queixas

6º) 2290/10 – Terminal São Mateus / Terminal Parque Dom Pedro II – 45 queixas

7º) 3763/10 – Terminal Vila Carrão / Metrô Tatuapé – 41 queixas

8º – 9º 10º)

4313/10 – Terminal Cidade Tiradentes / Terminal Parque Dom Pedro II – 40 queixas

477P/10 – Ipiranga / Rio Pequeno

5110/10 – Terminal São Mateus / Terminal Mercado

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes.

4 comentários em Zona Leste concentra a maior parte das linhas com mais reclamações em São Paulo

  1. João Ayrton Lambiase // 5 de agosto de 2015 às 20:49 // Responder

    Não tenha dúvida, principalmente as áreas servidas por essa MoveSP, quando era cooperativa, era ruim, agora é empresa é pessimo, eles não tem horário, motorista mal educados, o seja, ao invés de melhorar, só piora.

  2. a culpa das linhas da area 2 -Zona Norte… q MENTIROSAMENTE não aparecem nessa lista aí…É DA SPTrans/SMT/PMSP! e da CET …A SPTrans avacalha a SAMBAÍBA e as vezes até as ex cooperativas…q hj formam o Consórcio Transnoroeste…É uma omissão medonha! AS LINHAS 2011/10, 1765/10 E 1766/10 SÃO UMAS MERDAS! PRINCIPALMENTE ESSA ULTIMA…1766/10 -JD. CABUÇÚ / METRÔ SANTANA TRANQUEIRA1 A unica melhora foi a Substituição a quase 01 ano dos veículos Micros de uma portinha só…velhos e esculachados…pelos novos Micros de 02 portas e com o elevador pros cadeirantes…fora isso…os horarios ainda são ruins! e tem q ter mais carros!

  3. Teria mesmo que haver mais ônibus na rua mas a ideia do nosso prefeito incompetente é ainda retirar veículos da rua com essa licitação..O que não é muito bom ainda vai piorar, graças a ele e seu secretário mais incompetente ainda.

  4. Amigos, boa tarde.

    De novo nao ne.

    As reclamacoes cairam porque nao adianta reclamar.

    So isso.

    Att,

    Paulo Gik

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: