Chinesa BYD confirma investimentos em US$ 100 milhões para fábrica de ônibus elétricos em São Paulo

BYD ônibus

Ônibus da BYD. Empresa chinesa confirma a construção de uma planta de ônibus elétricos em São Paulo. Planta deve produzir 4 mil veículos por ano.

Chinesa BYD vai investir US$ 100 milhões em fábrica de ônibus elétricos em São Paulo
Será o maior investimento numa planta fora da China. Unidade deve produzir cerca de 4 mil ônibus por ano
ADAMO BAZANI – CBN
Agora é oficial. A fabricante de automóveis chinesa BYD, que tem como um dos sócios o bilionário norte-americano, Warren Buffett, anunciou nesta semana que vai investir US$ 100 milhões para a instalação de uma fábrica de ônibus elétricos puros (movidos com bateria) no Estado de São Paulo.
A vice-presidente sênior da BYD, Stella Li, disse que a cidade a ser escolhida ainda depende de negociações com o Governo do Estado e as prefeituras dispostas a receber a unidade.
Mas a expectativa é que seja num município do interior num raio de 150 quilômetros de distância da Capital Paulista.
O interesse da chinesa no mercado de ônibus no Brasil é grande. Será o maior investimento numa unidade fora da China. Ônibus elétricos da empresa já foram testados ou ainda estão em circulação em cidades como Brasília, Salvador e São Paulo.
O plano da BYD no Brasil é comprar uma fábrica já existente e construir uma nova planta.
O lançamento previsto é para agosto deste ano. Entre 2015 e 2016, a empresa pretende chegar a produção de 4 mil ônibus por ano.
Os ônibus vão atender o mercado brasileiro e parte da América Latina.
Em novembro do ano passado, a BYD deu início a produção de ônibus elétricos em uma fábrica inaugurada em Lancaster, na Califórnia. Os investimentos nessas instalações são de US$ 30 milhões na fase inicial, segundo a empresa.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

11 comentários em Chinesa BYD confirma investimentos em US$ 100 milhões para fábrica de ônibus elétricos em São Paulo

  1. José da Silva Santos // 18 de Janeiro de 2014 às 09:42 // Responder

    é capaz que comprem a ELETRA INDUSTRIAL.

  2. Amigos, bom dia.

    BOAS NOVAS !

    Ate que enfim um cara novz.

    Vai ser produzodo. No estado de Sao Paulo, agora, se vai rodar em Sampa ai e outra conversa.

    Pois por aqui o buzao e indigena.

    So Apachezinho Baleadaco e agora muiiiiiiito encardidaco.

    Esse BYD, no corredor da Metra vai ficar chique.

    E o diesel na marca do penalti, mas sem aumento de tarifa vai ser dificil tubarao marcar golllllllllllllllll..

    Att,

    Paulo Gil

  3. Só resta saber o que vão produzir aqui. Se vão ficar só no chassi ou se vão produzir ônibus in tegrais. Se vão ficar apenas com o motor traseiro ou se vão abrir as pernas para o dianteiro, como certas multinacionais andam fazendo.

  4. Sou do TROLEBUS, e espero trabalhar nesse veículo. Parabéns, BYD.

  5. Gosto do seu blog: objetivo e focado no objetivo. Parabéns!

  6. Esta conversa de que os chineses querem construir uma fabrica em SP, já e velha, e nunca se concretiza, levamos 2 anos para substituir 170 trolebus, e o que foi gasto acredito que daria para comprar uns 400 novos chineses, mas como digo em SP se não for caro não serve, no nosso caso caro e obsoleto.

  7. E então Adamo é concorrente da ELETRA ou um possivel comprador da ELETRA poderia nos esclarecer??? abs

    Tércio de Sousa

  8. Se for para eles fabricarem este modelo da imagem aí, acho que não dará muito certo, pois ele é muito baixo… a não ser que o elevem-o um “tiquinho”

  9. Estou torcendo para chegar logo! Basta de alavancas!!!!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: