SPTrans diz que vai cortar 400 linhas. Mas isso é suficiente para deixar o sistema com mais eficência?

ônibus

Ônibus de cooperativa na região da Avenida Paulista, cena que não deve mais ser vista se depender da SPTrans. Gerenciadora quer cortar 400 linhas do sistema. Ligações locais serão a maioria. Especialistas dizem que não basta cortar linhas sem oferecer estrutura para os transportes. Foto: Adamo Bazani.

SPTrans quer tirar 400 linhas do sistema da Capital Paulista
Redução seria de 31% e quantidade de ligações cairia de 1305 para aproximadamente 900
ADAMO BAZANI – CBN
Mesmo com as manifestações populares, com a desaprovação da população e com pedido de explicações elaborado pelo Ministério Público Estadual, a SPTrans insiste na política de redução, extinção ou seccionamento de linhas.
Na tarde desta sexta-feira, dia 25 de outubro, a diretora de planejamento da São Paulo Transportes, Ana Odila Paiva Souza, disse que até o final da gestão do prefeito Fernando Haddad, o número de linhas na Capital Paulista será reduzida em 31%, passando das atuais 1 mil 305 linhas para cerca de 900 ligações.
Deste total, 380 linhas seriam do sistema estrutural, que fazem trajetos de maiores distância ligando regiões diferentes da cidade, passando pelo centro, e 520 seriam linhas bairro a bairro, o que deve aumentar a atuação de cooperativas no sistema.
Segundo Ana Odila Paiva Souza, a proposta é baseada em estudos de administrações anteriores que mostram que para ser mais eficiente e ter menores custos, o sistema municipal de ônibus deve ser racionalizado. Para ela, hoje há muitas sobreposições de linhas e os ônibus perdem tempo em longas filas de coletivos, mesmo nos corredores.
A racionalização, de acordo com Odila, facilitaria o embarque e desembarque e tornaria os corredores de ônibus mais úteis que, em alguns trechos, são “subaproveitados” por linhas que percorrem apenas partes dos espaços exclusivos.
Ela disse que haverá uma rejeição por causa da necessidade de adaptação dos passageiros, mas que o sistema tronco-alimentado prova que é mais eficiente e que, mesmo com a troca de ônibus, o tempo de viagem deve diminuir.
Para oferecer estrutura ao sistema tronco-alimentado, a prefeitura promete concluir até 2016, 14 terminais de ônibus, que serviriam para as integrações.
A SPTrans realiza o quinto estudo para isso somente neste ano. Mesmo com os estudos em andamento, ao menos 80 linhas de ônibus municipais foram alteradas.
Especialistas dizem que não basta levar em conta a simples sobreposição de linhas para fazer cortes. Há linhas sobrepostas em boa parte do itinerário, mas que são necessárias num mesmo corredor por causa do perfil de origem e destino.
Além disso, a reorganização do sistema não pode se limitar a corte de linhas. Os ônibus troncais devem ganhar corredores exclusivos de fato, que são mais eficientes que as faixas, para terem melhor desempenho. Serão necessárias intervenções viárias, mesmo que simples como proibição de estacionamentos e alteração em cruzamentos e curvas, para que os ônibus ganhem freqüência e confiabilidade. Hoje a periferia apresenta problemas de trânsito tão grandes como nas áreas centrais.
O simples corte de linhas pode trazer desconforto sem a estrutura básica para os transportes coletivos.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

30 comentários em SPTrans diz que vai cortar 400 linhas. Mas isso é suficiente para deixar o sistema com mais eficência?

  1. Professor Pardal REVOLTADO!!!! // 25 de outubro de 2013 às 22:12 // Responder

    No Planejamento da SPTrans estão todos LOUCOS!!!!! Alguns cortes de linha posso até concordar, agora 400 LINHAS SEM ESTRUTURAS DE TERMINAIS E ESTAÇÕES DE TRANSFERÊNCIA??? ABSURDO!!!! Olhem o caos que o Bilhete único trouxe no dia 23 de outubro???Estão confiando demais no Bilhete único e desprezando quem depende das linhas troncais e o cliente do transporte coletivo, LAMENTÁVEL….!!!! SOU A FAVOR DE SECCIONAMENTOS, MAS DESDE QUE HAJAM TERMINAIS DECENTES DE TRANSFERÊNCIA.

    • estão quebrando varias linhas da area 4 estruturais porem 2 coisas se esqueceram na area 4 local principalmente no metrô itaquera muita demanda de passageiros sendo operadas pelas lotações apertadas da transcooper porque ali onde mais precisa de onibus não existe e segundo vai aumentar o numero de gente pro metrô e trem que ja não comporta mais e a fiscalização da sp trans linhas do metrô itaquera embarrufadas como sardinhas em lata ali sim precisa rancar as peruas e trocar as de altas deMANDAS POR ONIBUS URGENTE

  2. O engraçado disto tudo é que na maioria das vezes as linhas seccionadas são das empresas . Até agora na zona leste não ví uma linha do sistema local ser alterada. Por que será hein? Existem várias locais que não comportam tantas linhas de peruas ( caso do metro Itaquera). É preciso agir com racionalidade e oferecer em contra partida alternativas viáveis o que não vem ocorrendo. :Onde estão os corredores de ônibus anunciados pela prefeitura ? Quando será que sairão do papel ?

  3. Cara essa “racionalização” nunca vai dar certo!! Corredores feitos de qualquer jeito, bilhetes que nao funcionam, empresas que nao ligam para o passageiro… Na prática, esses corredores que o SR. Haddad colocou por ai nao estão ajudando em nada. Os onibus continuam dividindo espaço com carros e os carros nao conseguem andar!

    • Caro, ninguém falou que foi colocado corredores, os corredores necessitam de obras, estão licitados para começar ano que vem. Até agora só foi colocado faixas exclusivas. O resultado é menor mas é mais imediato.

  4. É assim que querem estimular o uso do transporte coletivo. Não me levem a mal, mas continuo de carro mesmo.

    • Boa cara, sou do mesmo pensamento, e pode escrever o que eu digo, quem tem um salário melhorzinho, que dá pra bancar a prestação e manutenção de um carrinho popular, não vai pensar duas vezes em largar o transporte público para comprar um carro! será um tiro no pé, além do mais, uma coisa que andei percebendo é que estão seccionando ou cancelando inúmeras linhas para o centro da cidade, será uma tentativa de jogar os passageiros para o já tão lotado metrô e CPTM assim ocasionando um colapso no sistema sobre trilhos, só pra jogar a culpa no PSDB?? mas que tá estranho isso, tá, não basta semana passada, justo nas estações mais lotadas do metrô, dar pau no sistema de bilhete único, vai saber se não foi proposital também, forçando o metrô a uma evasão de receita enorme, liberando as catracas nas estações mais movimentadas??

  5. Professor Pardal REVOLTADO!!!! // 25 de outubro de 2013 às 22:59 // Responder

    Sempre é bom lembrar : A idéia da SPTrans é encurtar as linhas e com o tempo extingui las assim como fizeram com a 208A tradicional Penha Lapa que encurtaram para o METRÔ CARRÃO e assim mataram a linha e será assim com as demais linhas encurtadas, enfim, a história irá falar sobre as consequencias destes erros que ANALISTAS da SPTrans fazem pois eles próprios não USAM TRANSPORTE COLETIVO.

    • Eu acho que isso tudo é manobra para favorecer as cooperativas do sistema local, forçando os passageiros a usarem os micros até uma estação de metrô para prosseguir viagem até o centro, sem contar que pelo jeito que estão fazendo, querem forçar um colapso no metrô, esse já não suporta mais a demanda cada vez mais aumentando!!

  6. Amigos, boa noite.

    PREVISÍVELLLLLLLLLLLLLLL

    Há anos, já escrevi aqui no Blog, que o problema de Sampa é o excesso de Buzão.

    Tem uma linha (se não me engano), a “748 – J” ou algo parecido, que além dela fazer o maior zig zag, ela anda pra trás de tanta volta que dá.

    Esta é um pequeno exemplo, deve ter um montão.

    Infelizmente tentei conferir o número no site da fiscalizadora, mas o site não abriu.

    Kkkkkkkkkkkkkkk. ÔOOOoooooooooo modernidade

    Ontem, por volta das 22:30 hs,eu vi o linguição rodando na Av. Cidade Jardim, totalmente na Lata.

    Pra que linguição rodar depois das 23:30 hs ?????

    Cá pra “nóis”, tremendo desperdício, né?

    Mas e daí né, nós é que estamos pagando pra que rode na lata um Buzão que custa mais de um milhão de reais.

    ISSO MESMO CUSTA MAIS DE HUM MILHÃO DE REAIS, MUITO MAIS.

    Alguém duvida, ou acha que é cortesia de Tubarão ou propaganda de encarroçadora

    Acordem né, Papai Noel não existe.

    Antes que os críticos falem, deixe eu esclarecer que não sou favorável a algumas aberrações que a fiscalizadora está fazendo,mas que precisa racionalizar precisa.

    Sejamos coerentes.

    Linhas sobrepostas então nem se fale tem as pencas.

    Outro absurdo são os Buzões de motor traseiro rodando em lugares com grandes aclives e declives (por ex.na Vila Madalena).

    Outra coisa que deveria sair nesse embalo são as catracas,mas infelizmente para uma fiscalizadora arcaica isso é algo muito moderno.

    Querem ver outra linha zig zag 7282, tá sempre na lata apesar das reclamações quando tiraram ela.

    Então querem linha da Lata, pois bem se preparem nós é que vamos pagar.

    Sem contar o EMTU aos montes atrapalhando a velocidade no corredor Vital Brasil e Rebouças.

    E tem mais (que eu lembro) e a 477-P Ipiranga – Rio Pequeno, tenha santa paciência, esse Buzão passa em tudo quanto é cantinho de Sampa, acho que o piloto só faz uma viagem e meia, e já dá o turno dele

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    Não sei se ainda tem, e a 475-R Jardim São Savério – Largo São Francisco

    KKKKKKKKKKKKKKKkkk

    É tudo linha de turismo,o próprio Buzão causa congestionamento.

    A fiscalizadora devia expulsar o monte de EMTU do corredor da Vital Brasil e fazer eles seguirem reto para pegar a ponte da cidade universitária e Pedroso de Moraes para chegar no Terminal Pinheiros.

    Mas ….

    Quem sou eu né.

    Mas vão por mim, deixem eliminar esse monte de linha Lata, zig zag e sobrepostas que vai melhorar muito vocês vão ver.

    E falta também colocar micros rodando RAPIDÃO fazendo ligações curtas entre pontos principais e estações do metrô.

    Eu imploro, eliminem as catracas e os malditos DEGRAUS ALTOS INTERNOS.

    Fiscalizadora paguem meus royalties, pois vocês estão usando muitas das sugestões a lá Paulo Gil.

    KKkkkkkkkkkkkkkkk

    Att,

    Paulo Gil

  7. acho essa idéia d ficar saindo d um buzao para outro ridícula, minha namorada tem q ficar fazendo transferência d buzao toda hora pq nao tem mais buzao da casa dela q vai até o centro d sp, onibus demorados e qase sempre cheios, ja disse e repito, ônibus não é metro… estão querendo lotar tudo e centralizar tudo em uma unica linha mesmo não tendo estrutura para isso… essa d cortar linhas vai eh mais prejudicar do q ajudar 🙁

  8. Adamo, vc que eh especialista em transporte, o que faria os onibus serem mais atrativos, pois juntar linhas em uma unica troncal não me parece a melhor solução para o transporte de sp.

    • Desculpa me intrometer, mas eu acho que a melhor solução sim. Com mais ônibus em menos linhas o tempo de espera diminui, tornando a opção mais atrativa. Além de ficar mais clara e simples e mais barata. A secção é só o começo embora aparentemente esteja mal, quando o sistema estiver completo tende a melhorar, mas a prefeitura está tratando muito mal isso, com poucas explicações e sem clareza…. uma pena…

  9. Estão punindo a população por ter reduzido a passagem para R$ 3,00 só pode…

  10. E so complementando a do amigo ai tambem falta corredores eficientes como na Radial Leste,so faixas nao salva o seccionamento de linhas,e o bilhete so valendo 3 horas e 2 pra empresas nao e o sulficiente lamentavel Sptrans.

  11. POW TEM GENTE PEGANDO ONIBUS EM BAIXO DE VIADUTO E DIZEM QUE ISSO É MELHORA! SAFADEZA ISSO!

  12. ISSO É ATITUDE INSANA ,AUTORITÁRIA E FASCISTA DESTE GOVERNO QUE PARA SATISFAZER OS DESEJOS DOS EMPRESARIOS QUE NÃO SE CONFORMAM COM O NÃO AUMENTO DAS TARIFAS, DEIXA OS PASSAGEIROS NA MÃO,OU MELHOR SEM CONDUÇÃO.

    • Mudando o sistema de pagamento para por km (onde o empresário ganha por busão rodando) em vez de por passageiro (onde o empresário ganha por busão lotado), tenderá a haver mais ônibus rodando para a população. Os empresário são contra essa mudança, mas é isso que a SPTrans está sinalizando e temos que pressionar para que ocorra.

  13. já que é pra tirar linhas de onibus volta com a catraca nos terminais de ônibus e com o bilhete unico ilimitado.

  14. Engraçado quando leio SPTrans diz que vai cortar, não é a SPTrans é o PT , SPTrans só recebem ordens do Secretário de Transportes que é do PT, Portanto a noticia certa, seria o PT vai tirar os ônibus dos trabalhadores e dificultar a sua ida ao trabalho., beneficiando os empresários de ônibus.

    • Não vai tirar ônibus, vai tirar linhas, e deixá-las com mais ônibus, reduzindo o tempo de espera no ônibus. Beneficiando o passageiro e sendo igual para o empresário.

  15. Esta senhora que manda e desmanda na Sptrans, esta ciando o holocausto no transporte de Sao Paulo, as consequencias futuras são inimaginaveis, o prefeito vai pagar muito caro por esta atitude vingativa, o ano que vem tem eleiçoes, vamos mandar um recado para este prefeito de pano, Ha continuam a rodar onibus da viacao Itaquera,Brasil, como pode, como vao pagar uma empresa que foi descredenciada, sera que e por baixo do pano.

    • a Itaquera brasil foi descredenciada mas como ela era formada por três grupos Happy play ambiental e Itaquera brasil, a que foi descredenciada foi a Itaquera brasil a Happy play e ambiental continua operando normalmente e esta ate ajudando no paese na cidade Tiradentes a Happy play que é a garagem da jacu pêssego que esta atuando na cid.tiradentes.

  16. Fazer integração de um para outro para completar a viagem , isso é modernidade , nos dias de chuva é que vai ser o maior barato .

  17. pois bem feito pra quem voto no pt

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: