Depois de denúncia, Tatto promete licitação mais rigorosa no ano que vem

ônibus

Ônibus do Consórcio Leste 4, um dos que possuem mais problemas na cidade. Secretário Jilmar Tatto ouviu denúncias da CBN e promete licitação mais rigorosa. Foto: Adamo Bazani

Denúncia levantada pela rádio CBN sobre a manobra realizada por algumas empresas de ônibus com problemas judiciais que trocam de nome para continuarem no sistema e participarem de licitações foi um dos temas abordados na primeira reunião do Conselho Municipal de Trânsito e Transporte. O secretário Jilmar Tatto prometeu licitação mais rigorosa

OUÇA A REPORTAGEM NA RÁDIO CBN:

http://cbn.globoradio.globo.com/sao-paulo/2013/08/02/EDITAL-DOS-TRANSPORTES-SERA-MAIS-SEVERO-PARA-EVITAR-EMPRESAS-COM-PROBLEMAS-JUDICIAIS-A.htm

Adamo Bazani, jornalista da Ràdio CBN, especializado em transportes.

4 comentários em Depois de denúncia, Tatto promete licitação mais rigorosa no ano que vem

  1. Jayme Pereira da Silva // 3 de agosto de 2013 às 00:27 // Responder

    Adamo Bazani, boa noite.

    Por que o Secretrio Jilmar Tatto, no quer punir j as Empresas irregulares, somente na prxima licitao no ano que vem.

    Ouvi a sua reportagem e acho que a CPI dos Transportes e a Comisso Municipal de Transportes e Trnsito tem que ser acompanhadas pelos auditores fiscais da Secretaria da Fazenda, Polcia Federal, Polcia Civil, Promotores Pblicos, enfim todos os instrumentos para localizar onde esto desviando o dinheiro do transporte pblico. Certamente a CPI e CMTT vo apresentar relatrios produzidos “em casa”, nunca iro denunciar irregularidades nas empresas e cooperativas. O problema tem que ser resolvido no acomodado.

    Jayme Pereira da Silva So Paulo, 02/agosto/2013 – 21h26 jaymensagens@globo.com http://www.jaymesilva.com.br

  2. É senhor Gilmar veremos se isso irá funcionar realmente na licitação e se a Novo Horizonte cai fora de São Paulo coisa que duvido muito.

  3. MARCOS NASCIMENTO // 5 de agosto de 2013 às 20:11 // Responder

    O Sr. Jayme Pereira da Silva está coberto de razão e endosso a mesma opinião dele! Está na hora das empresas atualmente trabalhando irregularmente serem punidas exemplarmente neste “ano de prorrogação” da licitação de 2002 afim de pelo menos no último oferecerem um transporte mais decente aos seus usuários e quem sabe até mesmo poderem participação da licitação a ser realizada em julho de 2014 após a Copa do Mundo no Brasil !

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: