Bilhete Único de Santo André deve ser aprovado definitivamente pela Câmara nesta quinta-feira

ônibus

Ônibus em Santo André. Câmara deve aprovar conclusivamente o Bilhete Único. Passageiro não vai precisar correr para trocar os cartões. Foto: Adamo Bazani.

Bilhete Único de Santo André deve ser aprovado definitivamente pela Câmara
Segunda votação deve ser tranquila. Passageiro não vai precisar correr para trocar o cartão antigo
ADAMO BAZANI – CBN
A proposta do Bilhete Único para os transportes municipais de Santo André deve ser aprovada definitivamente pela Câmara sem nenhuma dificuldade já nesta quinta-feira.
A informação foi confirmada por profissionais que atuam nos transportes da cidade, ouvidos pela reportagem do Blog Ponto de Ônibus/Canal do Ônibus.
Diretores de empresas de ônibus também disseram à reportagem nesta quarta-feira que os veículos estão praticamente prontos.
Com isso, a SATrans deve manter a data anunciada para o início da implantação do sistema, em 18 de maio.
O Bilhete Único vai oferecer a possibilidade de o passageiro usar três ônibus diferentes num período de 90 minutos, por sentido de viagem, com o pagamento de uma só tarifa.
Para o sentido de volta, ainda será necessário pagar mais uma passagem.
O usuário, de acordo com a gerenciadora, não vai precisar correr para trocar de cartão. Por um período, as integrações serão feitas com o cartão atual do sistema municipal. Assim, a substituição dos bilhetes será feita de forma gradual.
A reportagem utilizou ônibus das empresas Viação Vaz, Parque das Nações e Expresso Guarará e já constatou os novos leitores nas catracas. Em outros veículos, já há a preparação para a instalação dos novos equipamentos que vão poder descontar os créditos dos cartões atuais e dos novos que serão confeccionados aos poucos.
A Câmara de Santo André aprovou em primeira votação na terça-feira a proposta da administração de Carlos Grana mediante duas emendas : relatório semestral sobre os dados de passageiros transportados no sistema e os que usaram a integração. O legislativo disse que quer o instrumento para fiscalizar os subsídios de R$ 1 milhão por mês às empresas de ônibus para financiar parte das transferências gratuitas.
No entender do Paço, os subsídios vão garantir a viabilidade econômica do Bilhete Único e são uma forma de toda a sociedade contribuir de alguma maneira para o transporte coletivo que não beneficia apenas os passageiros de ônibus, mas toda população, inclusive quem usa carro, já que o transporte coletivo faz com que o trânsito e a poluição não sejam maiores ainda.
Também foi sugerido por parte dos vereadores o envio periódico de dados do sistema, como linhas, horários e alterações dos itinerários.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Bilhete Único de Santo André deve ser aprovado definitivamente pela Câmara nesta quinta-feira

  1. Nos ônibus da Viação Guaianazes (lote 1) e da ETURSA (lote 4), também é possível observar os novos leitores, instalados na maioria dos ônibus.

  2. Cópia de são bernardo do campo, um bilhete sem volta! ridículo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: