Cartão BOM nos trolebus e ônibus do Corredor ABD

Cartão BOM

Mais praticidade e segurança. Esses são alguns objetivos da utilização de qualquer modalidade do Cartão BOM nos trólebus e ônibus operados pela Metra no Corredor ABD São Mateus – Jabaquara. Em vez de usar vários bilhetes, o passageiro que utiliza os trens ou metrô na estação Barra Funda, ônibus intermunicipais e o Corredor ABD poderá pagar todas as tarifas com um só cartão, dispensando vários bilhetes. Mas por enquanto, a integração é apenas física e não tarifária, sendo descontados dos créditos do BOM os valores de cada tarifa dos diferentes meios de transportes. Futuramente, dependendo do entendimento entre autarquias estaduais, prefeituras e empresas operadoras, poderá haver descontos tarifários. Os antigos bilhetes dos trólebus, com a tarja magnética, continuam sendo aceitos por tempo indeterminado. Foto: Adamo Bazani

Cartão BOM no Corredor ABD
O bilhete eletrônico dos ônibus intermunicipais serão aceitos no sistema de ônibus e trolebus da Metra, que também continuará com o modelo de bilhete antigo

ADAMO BAZANI – CBN

Quem possui o Cartão BOM (Bilhete de Ônibus Metropolitano) de qualquer modalidade poderá usá-lo a partir de segunda-feira, dia 02 de janeiro de 2012, nos 270 ônibus e trólebus da Metra que servem 13 linhas no Corredor Metropolitano ABD, entre São Mateus (zona Leste de São Paulo) e Jabaquara (zona Sul da Capital Paulista) passando pelos municípios de Santo André, Mauá, São Bernardo do Campo e Diadema. O cartão poderá ser usado também no trecho operado pela Metra entre Diadema e Brooklin (zona Sul de São Paulo).
A exemplo do que já ocorre na estação de trens e Metrô Barra Funda, onde o BOM é aceito, o uso não dá direito a desconto, permitindo apenas, neste primeiro momento, a integração física. Isto é, o mesmo cartão pode ser usado para vários meios de transportes, mas cada um vai descontar dos créditos suas tarifas normais.
Assim, o desconto dos créditos de quem usará os trólebus e ônibus do Corredor será de R$ 2,90, o mesmo valor do bilhete com tarja magnética de tecnologia mais antiga.
Este tipo de bilhete continuará valendo também por tempo indeterminado.
A EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos- acredita que o uso do BOM nos ônibus e trólebus é um avanço no sistema. O passageiro que utiliza ônibus intermunicipal, trem ou metrô na estação da Barra Funda e os trólebus não precisa mais ter vários bilhetes. Ele pode com o mesmo cartão pagar todas as tarifas.
A EMTU estima que o uso do Cartão Bom pode resultar em integrações tarifárias no futuro, mas isso vai depender de entendimentos entre diferentes autarquias estaduais, prefeituras e empresas operadoras.
Outra vantagem do Cartão BOM é que não há mais necessidade de pegar filas na bilheterias dos terminais de trólebus e ônibus, já que o cartão pode ser recarregado dentro do próprio veículo.
Quem quiser adquirir o Cartão BOM pode fazer a solicitação no site www.cartaobom.net ou pelo telefone do Consórcio Metropolitano de Transporte: 0 800 – 771 1800
Nas últimas semanas apenas os tipos de Cartão BOM que davam direito a gratuidades, como para idosos e portadores de necessidades especiais, estavam sendo aceitos no sistema do Corredor Metropolitano ABD. A partir de segunda-feira, dia 02 de janeiro de 2012, todas a modalidades serão aceitas.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

6 comentários em Cartão BOM nos trolebus e ônibus do Corredor ABD

  1. Engraçado que no final da década de 80 quando começaram a circular os tróleibus ainda com o logotipo do metro, e depois passaram a EMTU o sistema de bilhetagem (semelhante ao metrô) era considerado moderno, todo mundo do ABC andava com um na carteira e ficava mostrando para os outros (olha como que funciona onde eu moro rs), e em todas as paradas havia uma cabine para a venda dos bilhetes.
    Claro que as cabines duraram pouco tempo, provavelmente por causa dos assaltos, e o que era considerado moderno, acabou ficando para trás.
    Espero que ao menos aumentem os pontos de recargas do BOM, pois por enquanto BOM mesmo só no nome, já que não proporciona integração tarifária com desconto, não tem muitos locais para se recarregar e cadastrar/retirar os cartões.

  2. Pois é.. Eu tenho um BOM Empresa e um Estudante. o Empresa é legal, carrega na catraca e não preciso ficar contando moeda pra pegar ônibus, mas eles deveriam mesmo expandir os postos de recarga, ainda mais agora. Por mais que não tenha desconto não me “obrigue” a pagar uma passagem de ida e volta todas as vezes que precisar carregar o cartão né?

  3. Estive em Fortaleza, cidade do Ceara, onde muitos aqui acham que lá só tem ignorante!
    Muito pelo contrario, a tarifa de lá é de R$ 2,20 durante a semana sendo que no domingo
    TODOS passageiros pagam, apenas metade do valor R$1,10, passe social.
    O estudante em Fortaleza, pode pagar a meia passagem direto para cobrador, sem necessidade de por créditos como cotas para mês inteiro, sendo que pagam conforme usam e mais estudante livre pra quando precisar usar se é estudante, num importa quantas vezes pegue onibus pagasse
    a metade do valor!
    Aqui pais tem que desembolsar credito antecipado, a empresa recebe antes do estudante gastar!
    Fortaleza da exemplo deveriam seguir um bom exemplo desses.

  4. Fabio Nascimento // 24 de Abril de 2012 às 22:37 // Responder

    Achei otimo o Cartao Bom, mas as empresas precisam decidir essa historia de integração, assim o transito de santo andre anda do ABCDM anda bem melhor, e dara melhor lucros as empresas ganharam mais passageiros…

  5. porque somente na Cptm da Barra funda aceita o bilhete, deveria aceitar nas outras estaçoes do abc.

    • Será sim implantado. A aceitação do Cartão BOM nas estações será gradual, segundo o Governo do Estado. Há a informação de que em Mauá e em Santo André, o cartão sja aceito até o final do ano, mas pro enquanto só promessa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: