CARTÃO BOM EM TREM/METRÔ A PARTIR DE 27 DE JULHO, MAS INICIALMENTE SÓ EM UMA ESTAÇÃO.

ônibus
O Cartão BOM usado em ônibus intermunicipais das 39 cidades da Região Metropolitana de São Paulo e em alguns sistemas locais passará a valer no sistema de trens da CPTM e do Metrô. A utilização já será possível a partir do dia 27 de julho, garante a EMTU, mas em apenas uma estação, a ser definida ainda. O aumento do número de estações vai ocorrer de forma gradual, para melhor adaptação da tecnologia. A integração será apenas física., ou seja, o cartão poderá ser usado para pagar o trem ou o metrô, com os créditos descontados. Ainda não será possível com um mesmo valor de passagem andar nos ônibus intermunicipais e no sistema metroferroviário. Foto: Adamo Bazani.

Cartão BOM será usado em estação a partir de 27 de julho
Passageiro deve estar atento, pois nesta data apenas uma estação aceitará o Bilhete de Ônibus Metropolitano para adequar e ampliar o sistema

ADAMO BAZANI – CBN

O presidente da EMTU, Joaquim Lopes da Silva Júnior, confirmou nesta sexta-feira, durante a apresentação dos resultados do IQT – Índice de Qualidade do Transporte, que o Cartão BOM (Bilhete de Ônibus Metropolitano) será aceito a partir de 27 de julho no sistema do Metrô e da CPTM.
Mas para evitar transtornos, a EMTU informa que nesta data apenas uma estação aceitará o BOM para integração física e não tarifária.
O objetivo é testar e aperfeiçoar o uso do Cartão BOM, dos ônibus intermunicipais, para ampliar para outras estações de forma gradual.
A estação ainda será definida.
A EMTU enviou a seguinte nota à imprensa:

A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU/SP) informa que está previsto para o dia 27/07 o início do projeto piloto da integração física, por meio do Cartão BOM – Bilhete Ônibus Metropolitano, com os sistemas do Metrô e da CPTM.

Inicialmente o Cartão BOM poderá ser usado em apenas uma estação a ser definida pelo grupo de trabalho coordenado pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos e que envolve técnicos das três empresas (EMTU/SP, CPTM e Metrô).

A proposta é estabelecer a integração física entre os sistemas, o que facilitará aos usuários o acesso às estações e às linhas metropolitanas com apenas um cartão. A tecnologia que permitirá a leitura de cartões encontra-se em fase final de desenvolvimento.

É importante que este processo seja executado de forma gradual, pois trata-se da integração de cerca de 600 linhas de ônibus metropolitanas com 160 estações do sistema sobre trilhos (93 da CPTM e 67 do Metrô).

O Blog Ponto de Ônibus já havia adiantado a informação sobre o uso do Cartão BOM para o pagamento da tarifa do Metrô ou dos trens da CPTM em reportagens feitas com João Antônio Setti Braga e Luis Augusto Saraiva, ambos do Consórcio Metropolitano de Transportes, que reúne 45 empresas de ônibus intermunicipais das 39 cidades que formam a Região Metropolitana de São Paulo. O braço comercial do Consórcio, que vende e administra o cartão, é a empresa Promobom Autopass.
Na ocasião, ambos falaram que a integração será física inicialmente e não tarifária. Ou seja, o Cartão BOM poderá ser usado para pagar o trem ou o metrô, mas ainda não será possível com o mesmo valor de passagem usar os modais metroferroviários e os ônibus intermunicipais.
O objetivo é facilitar o deslocamento dos passageiros pela região metropolitana sem obrigar que ele use diversos bilhetes nos diferentes meios de transportes entre as 39 cidades, tornando as viagens mais práticas.
Os valores das tarifas do trem e metrô poderão ser descontados dos créditos do Cartão BOM e as empresas poderão pagar o direito de transporte dos funcionários de uma só vez em forma de crédito, sem a necessidade de comprar parte em cartão de ônibus e parte em bilhetes de trem e metrô, o que deixa o trabalho dos setores de RH mais dinâmicos e auxilia no maior controle com os custos de deslocamento dos empregados.
O aumento do número de estações que vão operar com os validadores do Cartão BOM vai ser aos poucos e por enquanto, os bilhetes do Metrô e da CPTM ainda serão maioria no sistema.
Não há previsão para que todas as estações aceitem o cartão BOM, dos ônibus intermunicipais, e nem para futuras integrações tarifárias.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.