São Vicente (SP) intensifica a limpeza dos ônibus da cidade e limita quantidade de passageiros por viagem

A partir de agora os passageiros devem viajar somente sentados, estando proibida a viagem com passageiros em pé.

WILLIAN MOREIRA

Em razão dos casos crescentes do COVID-19 não só na cidade, mas em todo o país, a Prefeitura de São Vicente, no litoral paulista, adotou novas medidas no transporte municipal.

Por parte da Empresa Otrantur, que detém a concessão do transporte municipal, os coletivos agora passam por limpeza frequente e mais intensa, com a higienização da parte interna dos ônibus com hipoclorito de sódio a cada final de viagem realizado, limpando as superfícies onde o passageiro tem maior contato, como assentos e barras de apoio. Quando os ônibus vão para a garagem após a operação, nova limpeza é feita, desta vez tanto dentro, como fora dos veículos.

Já pelo poder municipal, está desde já em prática a restrição do acesso nas viagens de passageiros, limitando a quantidade de embarcados, com os ônibus partindo somente com usuários sentados, evitando pessoas em pé.

A frota de ônibus em operação atualmente na cidade é de 40%, devido à parte dos funcionários estarem afastados de suas atividades por compor o grupo de risco de contágio pelo vírus.

As medidas fazem parte de ações na prevenção da transmissão do Coronavírus no transporte da cidade.

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais: