CET bloqueia a Avenida Niemeyer neste domingo (20), no Rio de Janeiro, durante obras de manutenção da Geo-Rio

Foto: Divulgação/Prefeitura do Rio de Janeiro

Interdição da via acontece das 7h às 18h

ARTHUR FERRARI

A CET Companhia de Engenharia de Tráfego) do Rio de janeiro informou que neste domingo, 20 de agosto de 2023, a Avenida Niemeyer será totalmente interditada entre 7h e 18h.

De acordo com a companhia, a interdição acontece durante obras de manutenção realizadas pela Geo-Rio, que serão responsáveis pelos desvios de linhas de ônibus na região.

A interdição acontece entre a Avenida Prefeito Mendes de Moraes e o Condomínio Ladeira das Yucas, na altura do número 550.

Ainda segundo a CET-Rio, os motoristas devem ficar atentos aos bloqueios viários, seguindo as orientações dos agentes no local.

Confira os principais desvios:

Os veículos provenientes da Barra da Tijuca com destino à Gávea e ao Leblon deverão utilizar a Autoestrada Engº Fernando MacDowell e o Túnel Zuzu Angel. O acesso dos hóspedes de hotéis da região será somente pelo Leblon, assim como os acessos e saídas dos moradores do Vidigal e da Chácara do Céu, utilizando as seguintes vias: Autoestrada Eng. Fernando MacDowell, Túnel Zuzu Angel, Túnel Rafael Mascarenhas e Avenida Visconde de Albuquerque.

 

Veja como fica o transporte público:

A entrada e a saída de transportes públicos (vans -STPL e micro-ônibus) no trecho interditado da Avenida Niemeyer serão feitos no bloqueio junto à Avenida Delfim Moreira e Avenida Visconde de Albuquerque pelo lado do Leblon, onde haverá uma limitação de circulação até o acesso ao Vidigal, tendo três opções de retorno:

1º: Em frente ao Hotel Sheraton

2º: Em frente ao acesso do Vidigal

3º: Em frente à Rua Dom Eugênio Sales, somente Vans – STPL, pois não há espaço para manobras dos demais modais.

 

Veja o esquema de tráfego para veículos de passeio:

A operação de trânsito contará com a participação de agentes da CET-Rio, Guarda Municipal e apoiadores de tráfego que trabalharão para manter a fluidez, orientar os motoristas e efetuar os bloqueios durante a intervenção. Os tempos semafóricos serão ajustados para melhorar a fluidez nas rotas alternativas e nos principais corredores de tráfego da região. Além disso, serão utilizados dois painéis de mensagens variáveis para orientar e alertar os motoristas sobre as interdições.

O Centro de Operações Rio (COR) fará o monitoramento pelas câmeras da Prefeitura, verificando possíveis impactos na circulação viária e permitindo que técnicos da CET-Rio possam implantar os ajustes necessários nos tempos semafóricos, a fim de garantir a fluidez do tráfego

Arthur Ferrari, para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Informe Publicitário
   
Assine
     
Comentários

Deixe uma resposta