Moradores de Poá e Suzano ainda podem solicitar o Cartão do Estudante

Estudantes de Suzano e Poá ainda podem pedir seus cartões do estudante

Cadastro é totalmente feito pela internet

ARTHUR FERRARI

Estudantes que residem em Poá e Suzano e utilizam as linhas de ônibus municipais da Radial Transporte com o benefício de meia passagem, já podem solicitar os cartões de transporte.

As inscrições iniciaram no dia 4 de julho de 2022, e podem ser feitas através da plataforma Telegram, buscando por @OncardBot e seguindo o passo a passo, sem a necessidade de ir a um local de atendimento presencial.

De acordo com a Radial Transporte, após enviar os documentos, o estudante deve aguardar um prazo de 24 horas para aprovação.

No caso da primeira via, o estudante deve comparecer ao ponto de atendimento mais próximo, com o RG para retirar o cartão. Se a solicitação for para um recadastro, o usuário pode utilizar o documento anterior para retirar o novo bilhete.

Vale ressaltar que apenas um cadastro por aparelho celular é permitido, sendo que caso o requisitante não tenha, deve comparecer a uma loja Onpag a fim de solicitar o bilhete.

Confira os documentos necessários para a realização do cadastro:

  • Fotos dos seguintes documentos:
  • RG
  • CPF
  • Formulário de Requisição do Cartão Escolar preenchido, carimbado e assinado pela diretoria da instituição. [Pode ser baixado no site da empresa Onpag (onpagtech.com.br) na aba “cartões”]

 

Entenda o que é o Cartão do Estudante

O Cartão do Estudante é destinado a estudantes e professores, de acordo com a legislação vigente, dando direito a 50% de desconto no valor da tarifa das linhas municipais, aos que residam a mais de um quilômetro da escola.

Quem pode solicitar?

O benefício pode ser solicitado por estudantes regularmente matriculados nas Instituições de Ensino (Educação Infantil, Ensino Fundamental Regular ou Supletivo, Ensino Médio, Cursos Profissionalizantes de Nível Técnico, Cursos Regulares de Educação Profissional, Curso Superior e Cursos de Pós-graduação) e professores, não sendo ofertado a professores que não estejam no exercício de suas funções, bem como a diretores escolares.

Arthur Ferrari, para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta