Prefeitura de Bento Gonçalves (RS) protocola na Câmara projeto para conceder subsídio ao transporte público

Foto: Bruno Goulart/Ônibus Brasil

Aporte ao setor pode ultrapassar R$ 2,2 milhões e visa evitar aumento tarifário

WILLIAN MOREIRA

A Prefeitura de Bento Gonçalves (RS) enviou para a Câmara Municipal nessa quinta-feira, 21 de julho de 2022, um projeto de lei para a concessão de subsídio tarifário ao setor do transporte público.

Tal projeto é justificado pela administração municipal em razão do aumento do óleo diesel, combustível utilizado nos ônibus que saiu de um preço médio em R$ 3,59 para até R$ 6,59 neste ano, impactando diretamente nos custos da operação.

A medida se apoia em exemplos de subsídios ofertados por outras cidades, como Porto Alegre, Santa Maria, Caxias do Sul, Belo Horizonte e Manaus.

A projeção é de conceder um aporte de até R$ 2.282.175,00 o que, além de evitar um aumento da tarifa, pode até viabilizar a diminuição da atual, que cairia dos atuais R$ 5,00 para R$ 4,75

O subsídio será um complemento do valor da tarifa, com o passageiro pagando uma parte e a diferença restante sendo compensada no aporte financeiro às empresas concessionárias.

O serviço de transporte é operado atualmente por duas viações: Empresa Bento Transportes e Transporte Coletivo Santo Antônio Ltda.

Willian Moreira para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta