Lucas do Rio Verde (MT) reduz tarifa de ônibus para R$ 4,50

Lucas do Rio Verde (MT) reduz tarifa de ônibus para R$ 4,50

Programa Passe Livre é o responsável pela diminuição no valor

ARTHUR FERRARI

O prefeito de Lucas do Rio Verde (MT), Miguel Vaz, autorizou nesta quarta-feira, 20 de julho de 2022, a redução da tarifa do transporte coletivo no município.

Para quem utiliza o Sistema de Bilhetagem Eletrônica, o valor passa de R$ 4,89 para R$ 4,50. Já para quem paga no embarque, o valor continua R$ 5,00.

A diminuição na tarifa se deve a aprovação do Programa Passe Livre pela Câmara de Vereadores da cidade, que garante a passagem gratuita a estudantes, atletas das escolinhas esportivas, alunos das oficinas culturais, participantes de projetos sociais, PcD e idosos acima de 60 anos.

Confira quem pode ser beneficiado com a passagem gratuita:

  • Crianças com até 5 anos de idade, acompanhadas de pessoa responsável;
  • Pessoas com idade igual ou superior a 60 anos;
  • Pessoas com deficiência – PcD;
  • Estudantes do município de Lucas do Rio Verde-MT com idade igual ou superior a 5 anos, regularmente matriculados na educação infantil, no ensino fundamental, médio ou superior, cursos de educação de jovens e adultos presenciais, técnicos e profissionalizantes, reconhecidos pelo MEC, das redes municipal, estadual, federal ou privada de ensino;
  • Atletas dos programas desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer;
  • Estudantes das oficinas culturais desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo;
  • Participantes de outros programas e projetos sociais desenvolvidos pelo município, desde que autorizado por decreto;
  • Fiscais agentes do poder concedente quando devidamente identificados e em serviço de fiscalização do transporte coletivo

Para ter acesso ao benefício, os interessados devem solicitar o Cartão Gratuidade na concessionária do transporte coletivo mediante a apresentação de documentos, conforme o Decreto nº 5.993/2022A solicitação deve ser feita a partir do dia 1º de agosto de 2022.

Arthur Ferrari, para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta