SPObras contrata por R$ 611 mil serviços de manutenção dos abrigos metálicos de ônibus

Ata de Registro de Preços licitada em 2021 teve valor total aprovado de R$ 3,6 milhões

ALEXANDRE PELEGI

A São Paulo Obras – SPObras, empresa pública vinculada à Secretaria de Infraestrutura Urbana e Obras – SIURB da prefeitura de São Paulo, anunciou no Diário Oficial desta quinta-feira, 14 de julho de 2022, a contratação da prestação de serviços de manutenção corretiva dos abrigos metálicos de ônibus.

A contratação foi feita através de Ata de Registro de Preços, pelo valor de R$ 611 mil.

Como mostrou o Diário do Transporte, a SPObras informou em 26 de novembro de 2021, a adjudicação e a homologação da licitação destinada à coleta de preços para manutenção de 716 abrigos de ônibus metálicos.

O valor total do certame foi de R$ 3,6 milhões, homologado e adjudicado para a empresa Macor Engenharia Construções e Comercio Ltda.

O Sistema de Registo de Preços serve para garantir os valores contratados em licitação. Por este motivo, com a assinatura da Ata de Registro, a contratante pode a seu critério celebrar tantas contratações quanto necessárias.

Para a contratação, a Ata registra os preços, fornecedores, órgãos participantes e as condições a serem praticadas.

Assim, este primeiro contrato já permite iniciar os serviços, a partir dos preços contratados na Ata.

De acordo com o Edital, a empresa contratada deverá cuidar da manutenção de abrigos metálicos conforme a especificação abaixo:


HISTÓRICO

O pregão eletrônico lançado em 2020 teve uma série de intercorrências.

Após a empresa Shop Signs Obras e Serviços Ltda ter sido homologada como vencedora, o TCM – Tribunal de Contas do Município barrou em caráter liminar a continuidade do certame.

O processo licitatório foi autorizado a prosseguir somente em agosto deste ano, quando o TCM revogou a medida.

Ao retoma o processor a empresa vencedora decidiu não prorrogar a validade de sua proposta.

Com este novo fato, a SPObras decidiu retomar o certame na fase de habilitação. A medida foi divulgada no dia 27 de agosto de 2021.

As empresas remanescentes, para continuar a participar da concorrência já no início da sessão, tiveram de manifestar sua concordância em prorrogar a validade de suas propostas, com data-base Junho de 2020, cujos valores não seriam atualizados ou reajustados.

Com a desistência da antiga vencedora, o resultado foi homologado em favor da Macor Engenharia, que ofertou lance no valor global de R$3.647.177,18.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta