Aracaju recebe mais oito ônibus zero km e promete mais 20 até o fim de agosto

Cidade lançou ainda cartão para passageiros com Transtorno de Espectro Autista (TEA) e acompanhantes

ADAMO BAZANI

A Viação Atalaia e a prefeitura de Aracaju apresentaram na manhã desta quinta-feira, 14 de julho de 2022, mais oito ônibus zero quilômetro para o transporte urbano.

Os veículos são ser usados nas linhas Marcos Freire II/Dia e Santa Maria/Mercado

Com esta entrega, de acordo com o prefeito Edvaldo Nogueira, por meio de nota, neste ano, o sistema de transportes municipais recebeu 30 coletivos novos e, até o fim de agosto, serão mais 20, totalizando a renovação de 50 ônibus em 2022.

“Esse é um momento muito importante porque, apesar das dificuldades enfrentadas pelo sistema de transporte coletivo do país, em Aracaju, estamos conseguindo renovar a nossa frota. Entregamos 12 ônibus em junho, mais 10 na semana passada e, agora, mais oito, totalizando, somente em 2022, 30 novos ônibus ofertados para a população. Até o final de agosto, entregaremos mais 20, chegando a 50 novos veículos para o sistema de transporte urbano, fazendo uma importante renovação da frota e melhorando de maneira significativa os serviços, que passam a ter mais qualidade”

Desde 2017, foram 101 ônibus trocados.

CARTÃO PARA PASSAGEIROS AUTISTAS E ACOMPANHANTES:

Na mesma cerimônia de entrega, foi anunciado um cartão de transporte para passageiros com Transtorno de Espectro Autista (TEA) e os acompanhantes.

“Fico imensamente feliz de poder anunciar essa medida que representa uma conquista para as mães, pais ou responsáveis das crianças com Transtorno de Espectro Autista que utilizam o transporte coletivo. Agora, os passageiros com TEA que têm direito a gratuidade com acompanhante, poderão embarcar nos ônibus e seguir viagem não apenas na parte dianteira, mas também na parte traseira, passando pela catraca, com o cartão, tendo mais comodidade”, detalhou, de acordo com a mesma nota.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta