Trabalhadores do transporte ferroviário na Bahia protestam em Salvador nesta quinta (7)

Os manifestantes exibiram faixas em frente antiga estação desativada. Foto: Reprodução TV Bahia

Os trabalhadores alegam que a CTB não cumpriu o acordo do plano de demissão

WILLIAN MOREIRA

Uma parte dos funcionários da CTB (Companhia de Transportadores do Estado da Bahia) realizaram um protesto na manhã desta quinta-feira, 7 de julho de 2022, em Salvador, capital do estado, devido ao não cumprimento do acordo para o plano de demissão.

Segundo os ferroviários existe um impasse, já que uma das queixas é a retirada de horas extras, desde quando foram dispensados em fevereiro deste ano.

Os trabalhadores perderam seus postos depois que o serviço de trens de suburbio foi desativado para as obras de construção do VLT (Veículo Leve de Transporte), que substituirá o antigo modal.

Com faixas e palavras de ordem, o grupo de manifestantes se concentrou em frente à antiga estação Calçada e pedem o cumprimento do PDI (Plano de Demissão Incentivada).

Em nota para o G1 Bahia, a CTB afirma que as negociações estão sendo realizadas conforme a segurança processual, orçamentária e jurídica, comunicando aos ferroviários e sindicato da categoria sobre as ações tomadas.

Além disso, pontuou que o acordo coletivo assinado em maio deste ano, vale por 12 meses.

Willian Moreira para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta