Prefeitura do Rio obtém Licença Ambiental para obras do Corredor BRT TransBrasil

Futura estação "Marinha do Brasil" no Corredor TransBrasil. Foto: Diário do Transporte

A autorização é necessária para a retomada dos trabalhos de construção do novo meio rápido de transporte para os ônibus

WILLIAN MOREIRA

A Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro obteve a Licença Ambiental para a implantação do corredor viário BRT TransBrasil. A autorização foi concedida pela SMDEIS (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação) e publicada no Diário Oficial desta terça-feira, 21 de junho de 2022.

A permissão é fundamental para a continuidade dos serviços de construção do novo corredor, compreendendo o trecho entre o bairro do Caju e a Rodoviária Novo Rio.

O traçado segue por uma das vias mais importantes da cidade, a Avenida Brasil, utilizada como caminho de chegada à região central e na volta para a casa.

Como já mostrado pelo Diário do Transporte, nesta nova fase das obras do BRT, a Prefeitura optou por retomar o projeto inicial com as quatro estações que haviam sido retiradas do escopo. São elas: Guadalupe, Barros Filho, Coelho Neto e Irajá.

No total, serão 18 estações e mais 22 intervenções como viadutos e alargamentos de pistas. A Transbrasil contará ainda com três terminais: Margaridas, Missões e Deodoro. Esta última terá duas plataformas superiores de BRT e aumento da capacidade de vagas para as linhas alimentadoras.

Relembre: BRT Rio Corredor Transbrasil: Autorizada contagem de prazo para atividades de monitoramento da construção

Willian Moreira em colaboração especial para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta